Diretoria da Ponte Preta passará por reformulação

A diretoria da Ponte Preta irá passar por uma reformulação nas próximas semanas e o comando de algumas áreas deverá ser trocado. “Nossos atuais diretores fizeram um excelente trabalho até agora, mas é chegado o momento de dar oportunidade a outros pontepretanos que querem ajudar o time. Ontem eu e o vice-presidente Hélio Kazuo conversamos com todos, que entenderam a necessidade desta reformulação e colocaram seus cargos à disposição. Avaliaremos com calma, agora, quais serão as substituições, sempre pensando no melhor para a Ponte”, diz o presidente Márcio Della Volpe.

O dirigente explica que nem todas as áreas passarão pelo processo de renovação. “Estamos fazendo esta avaliação de maneira cuidadosa e acredito que até no máximo o final da semana que vem teremos tudo definido. Em alguns casos, como o cargo de diretor de marketing, que era acumulado por mim até então, iremos definir novos nomes”, pontua.

A atual Diretoria Executiva da Ponte Preta é composta da seguinte forma:

Primeiro Secretário: Eurico Vergueiro Leite

Segundo Secretário: Carlos Antonio Vilar Matheus

Primeiro diretor financeiro: Vanderlei Aparecido Pereira

Segundo diretor financeiro: Hamilton César Carias

Diretor do Departamento de Patrimônio: João Augusto Cavedini

Diretor do Departamento Social: Giovanni Dimarzio

Diretor de Futebol Profissional: vago desde 4 de fevereiro de 2014, quando Hamilton Silva deixou o cargo por questões pessoais

Diretor de Futebol de Base: Francisco Carlos “Kiko” Marques

Diretor do Departamento Jurídico: Tagino Alves dos Santos

Diretor do Departamento Comercial e de Marketing: Márcio Eduardo Della Volpe

Diretor do Departamento Médico: José Arquimedes Pedroso Meloni

Diretor do Departamento Administrativo: João Marcos Fantinatti 

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS