Copa SP: Ponte enfrenta gramado castigado, pênalti não marcado e empata em 1 a 1 com Juventude

Lucas Porto/Francana

Em gramado castigado pela chuva e pela sequência de jogos, tendo ainda um pênalti muito questionado e não marcado em Marcelinho, os Juniores da Ponte Preta ficaram no empate em 1 a 1 com o Juventude nesta noite de sexta-feira (7), pela segunda rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A partida foi realizada no estádio José Lancha Filho, em Franca.

Lucca de falta abriu o marcador para o Juventude ainda na etapa inicial. O pontepretano Bruninho, no tempo complementar, após bela assistência de Tiago, deixou tudo igual. Com o resultado, a Macaca conquista o segundo ponto na competição e para avançar de fase, agora, precisa vencer o já desclassificado Confiança-PR, além de torcer por uma vitória no jogo de Francana e Juventude, pois ambas as equipes somam quatro pontos e no caso de um empate o critério utilizado será o saldo de gols. Ambas as partidas estão agendadas para a próxima segunda-feira (10).

O jogo 

Partida muito disputada para ambos os lados. A primeira chance veio com Matheus Alisson, aos 2′, após costurar pela esquerda e invadir a grande área, mas o atacante acabou sendo interceptado na hora da finalização. A Ponte permaneceu na pressão e os adversários tentaram uma reação aos 7′, porém Bruno José na cobertura cortou o lance que já não valia mais nada, pois o árbitro havia marcado falta. Aos 9′, Vitinho aproveitou o rebote e arriscou da intermediária, mas a bola foi por cima do gol. Aos 16’, Gabriel Oliveira levou ao fundo direito e cruzou na área, escanteio. A bola foi levantada na área e Paulino finalizou para fora. Nos 21’, Matheus Alisson disparou no contra-ataque, mas foi parado com falta que Maurício cobrou com categoria, mas a bola saiu rente a trave. Os adversários chegaram com perigo aos 24′, e Felipinho, em cima da linha, fez o corte preciso para evitar o gol. Aos 34′, numa jogada rápida, Vitinho lançou Bruno José na direita que fez belo corte, invadiu a área e acabou sendo bloqueado na hora da finalização. Já nos 40′, num chute despretensioso, após cobrança de falta, Lucca bateu e abriu o placar para os adversários, 1 a 0. Atrás no marcador, a Macaca intensificou o ataque e quase igualou aos 45′, mas Eliel escorregou e Vitinho não conseguiu aproveitar

Segundo tempo

O segundo tempo começou com a Macaca na pressão. E logo no primeiro minuto Eliel sofreu falta próxima da linha da grande área, Maurício cobrou, mas a bola explodiu na barreira. Aos 4′, Antony recebeu de Paulino, girou e mandou uma bomba que Arthur se esticou e mandou para fora. Na sequência, o goleiro adversário fez nova defesa, após chute de Maurício. Aos 14′, num lance polêmico, os jogadores da Macaca pediram pênalti em Marcelinho que foi empurrado dentro da área, mas a arbitragem nada marcou e mandou seguir. Aos 20′, Bruninho entrou no lugar de Maurício e aos 26′, Tiago e André entraram nos lugares de Bruno José e Eliel. Com as alterações e um time ainda mais ofensivo, nos 37′, Tiago recebeu um belo lançamento de Felipinho, faz o corte no zagueiro e passou para Bruninho que dominou e bateu firme para deixar tudo igual, 1 a 1. Nos acréscimos, Matheus Alisson ainda tentou colocar a Ponte na frente, mas foi só.

Substituições da Ponte Preta

Marcelinho (Vitinho), Bruninho (Maurício), Tiago (Bruno José), André (Eliel)

Gols: Lucca (Juventude), Bruninho (Ponte)

Cartão Amarelo: Pedro Henrique (Juventude), Gabriel Oliveira (Ponte), Dudu (Juventude), Jean Lucca (Juventude), Ramires (Juventude), Tiago (Ponte).

Arbitragem

Árbitro: Kleber Canto dos Santos

Árbitro Assistente 1: Edilson Roberto Orlandeli Morata Júnior

Árbitro Assistente 2: Paulo de Souza Amaral

Quarto Árbitro: Rafael Castelli Prini

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS