Com gols de Pottker e Lins, Ponte vence Campinense e avança na Copa do Brasil

 

Fotos: PontePress/RodrigoCeregatti

A Ponte Preta foi até Campina Grande/PB e venceu o time do Campinense na noite desta quarta-feira (8), pelo placar de 2 a 0, em jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil. A partida foi disputada no estádio Ernani Sátyro (Amigão).

O próximo desafio da Macaca será pelo Campeonato Paulista. A equipe enfrenta o São Paulo, no domingo (12), às 17 horas no Morumbi.

O jogo

O primeiro lance de destaque foi do Campinense com quase nove minutos. Tiago Orobó cruzou pelo lado esquerdo e Renatinho chutou mascado, para defesa de Aranha. A Ponte respondeu aos 22 minutos. Após cobrança de falta pelo lado esquerdo, Fábio Ferreira cabeceou firme, mas Gledson fez a defesa. Na sequência, o assistente marcou impedimento.

Aos 25 o time adversário voltou a atacar. Jussimar chutou forte, dentro da área, mas Aranha fez boa defesa. Oito minutos depois, o goleiro pontepretano fez outra defesa importante, após cabeceio de Jussimar.

Aos 36 minutos, a Ponte teve falta frontal ao seu favor. Lucca efetuou a cobrança, mas a bola foi por cima do gol de Gledson. Sem mais chances criadas, o primeiro tempo terminou empatado em 0 a 0.

O segundo tempo inicia com a Ponte pressionando o adversário. Aos seis minutos Lucca fez jogada pelo lado esquerdo, chutou cruzado e após bate-rebate na área, a defesa do Campinense afastou. Minutos depois foi a vez do goleiro da Macaca ter trabalho. Primeiro, Aranha defendeu chute de Magno de longa distância. No rebote, Jussimar fez o arremate, mas Aranha novamente fez grande defesa e afastou.

Aos 24 minutos, o goleiro Gledson fez pênalti em Lins. Pottker foi para a cobrança e abriu o placar para a Macaca, em chute alto no canto esquerdo. Dois minutos depois a Macaca ampliou o marcador. Lins tocou para Lucca, que de dentro da área chutou. A bola bateu na zaga e sobrou para Lins, que ajeitou e chutou forte, sem chances para Gledson.

A Ponte teve chance de aumentar o marcador aos 33 minutos, em cobrança de falta de Lucca, que atingiu a trave esquerda adversária. Sem mais lances de destaque na partida, a Ponte se classificou para segunda fase da Copa do Brasil, com vitória de 2 a 0 sobre o Campinense.

 

Ficha Técnica:

 

Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Kadu, Fábio Ferreira, Jeferson, Jadson, Matheus Jesus e Ravanelli (Naldo), Pottker (Erick Salles), Lucca e Ramón (Lins).  Técnico: Felipe Moreira

 

Campinense: Gledson, Joécio (Maranhão), Ronaeli, Paulo Paraíba (Rafael) e Renatinho (Casagrande), Negretti, Fernando Pires, Felipe Ramon e Magno, Jussimar e Tiago Orobó. Técnico: Sérgio China.

 

Local: Estádio Ernani Sátyro (Amigão), Campina Grande/PB

Árbitro: Charles Hebert Cavalcante Ferreira – AL

Auxiliares: Maxwell Rocha da Silva – AL e Brigida Cirilo Ferreira – AL

Cartões amarelos: Jeferson, Pottker e Ravanelli (Ponte Preta); Joécio (Campinenese).

Gols: Pottker e Lins (Ponte Preta).

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS