Presidente de honra Sérgio Carnielli completa 69 anos. Parabéns, presidente !

Crédito: PontePress/AlexandreBattibugli

Sérgio Carnielli, presidente de honra da Macaca e grande benfeitor pontepretano, completa 69 anos nesta quinta (21). Nascido em Campinas em 1946, Sérgio descobriu o amor pela Macaca por volta dos 14 anos, quando pela primeira vez conseguiu ir assistir a um jogo. “Sou de Campinas, assim como toda minha família, mas minha família não era ligada a futebol e, apesar de eu gostar e jogar desde garoto, nunca tinha ido a uma partida porque trabalhava muito e não tinha tempo”, conta. O árduo caminho para se tornar o grande empresário de hoje começou cedo, trabalhando logo aos sete anos na olaria do avô. Aos oito, nove anos, vendia groselha no circo sempre que havia espetáculo e nos dias de semana comercializava as verduras que a mãe plantava. Nos finais de semana, engraxava sapatos no balão do Taquaral.

Mas, quando já adolescente finalmente arrumou tempo e foi pela primeira vez ao campo, a paixão bateu com tudo. “Virar pontepretano foi fácil: comecei a ver jogos da Ponte, era apaixonante desde aquela época. As campanhas que a Ponte fazia, os caminhões de torcedores, os que iam de trem, as campanhas para subir… nos anos 60 dificilmente conseguiríamos subir, mas a gente chegava perto, e isso ajudou a montar essa torcida sofredora. Me tornei fanático”, relembra.

Em 1973, Carnielli virou conselheiro e passou a se inteirar mais da vida do clube.  Depois, pelas mão do Gilman Farah – irmão do ex-presidente da Federação Paulista de Futebol – foi alçado a diretor de futebol em 1989 e subiu a Ponte no Paulista. Em 1996, Carnielli era vice-presidente e em virtude da renúncia do então mandatário Nivaldo Baldo assumiu temporariamente o cargo e chamou eleições, tendo sido eleito presidente no ano seguinte.

Desde então, se dedicou de corpo e alma ainda mais ao time, tendo inclusive investindo milhões de reais para literalmente impedir a Ponte Preta de ser consumida pelas dívidas que tinha. Após ter sido reeleito repetidas vezes, em 2011, por força de uma decisão polêmica de primeira instância (que ainda aguarda novo julgamento na Justiça) e fortemente repelida pela instituição, Carnielli foi afastado do cargo e, por decisão do Conselho, foi nomeado presidente de honra no dia de seu 67º aniversário, honraria que mantém enquanto a injustiça não é revertida.

Idealizador e um dos grandes defensores do Complexo Arena, Carnielli continua ligado na Ponte Preta e constantemente vai ao CT ou ao Majestoso em treinos para conversar com os atletas e incentivá-los. Em uma das últimas ocasiões, reforçou o compromisso entre a Ponte e o atual elenco: “Agora ninguém mais sai da Ponte”, disse, reforçando o compromisso de o time ter um bom desempenho na série A. A família Ponte Preta – o presidente Vanderlei Pereira, diretoria, funcionários, atletas, treinador e comissão técnica, torcedores – parabeniza nesta data o grande pontepretano Sérgio Carnielli e lhe deseja muita felicidade, saúde e ainda mais sucesso. Parabéns, presidente! 

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS