Fernando Bob, que se recupera de lesão no tornozelo, não vê a hora de entrar em campo para ajudar seus companheiros

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/GuilhemeDorigatti

A recuperação de Fernando Bob está quase na fase final. O jogador tem respondido bem aos tratamentos e, mesmo não estando nos treinamentos da equipe – como no desta manhã de domingo – e sem chances de reestrear no jogo diante da Portuguesa na terça-feira (15), o atleta se mostra cada dia mais otimista.

“Graças a Deus a recuperação foi boa. Foi bem rápida, até mais do que esperava. Falou-se em três meses, mas estou voltando já com dois meses, já colocando chuteira e tênis para correr um pouco. Agora é gradativamente. Fazendo pouco a pouco, malhando e fortalecendo, para o mais rápido possível estar jogando”, afirma o volante que, mesmo em evolução, prefere não falar em data de retorno.

“Não tem como dar uma previsão. Agora vou colocar chuteiras e fazer alguns trabalhos, se realmente estiver sem dor. Tomara que não tenha nada e, se Deus quiser, o mais rápido possível estarei de volta. Vai ter um tempo de adaptação ainda, tenho que recuperar o ritmo de jogo. Acredito que vai dar tudo certo e a torcida vai ver o Fernando que era antes”, diz.

O jogador também comemora a boa fase dos seus companheiros de posição, Elton e Juninho, que têm demonstrado um bom futebol dentro de campo.“São grandes jogadores. Quando chegaram aqui nós sabíamos que eles viriam para ajudar. É bom para nós, que eles estão deixando a Ponte em um lugar bom na tabela, há um ponto do pessoal que está na zona de classificação. É importante ter jogadores bons no elenco e com certeza vamos nos qualificar cada dia mais”, avalia o atleta, que não esconde a ansiedade em estar de volta às partidas de futebol.

“Esse que é o problema todo. Por mim eu já voltava fazendo treino com bola, para jogar o mais rápido possível. Mas tem que ter calma. Foi uma contusão séria, grave e tem que ter um pouco mais de calma. Mas por mim eu já estaria jogando logo, porque é muito ruim ficar só olhando, igual agora na Copa, em que fico assistindo um monte de jogos e fico louco para jogar. Daí terça-feira já tem jogo, eu não estarei em campo e isso é muito ruim, mas acredito que o mais rápido possível eu volto”, completa Bob.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS