Fellipe Bastos quer marcar nome na historia da Ponte e, para o volante, pontapé inicial pode ser o jogo desta quarta

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/MarcosRibolli

Um dos principais nomes do meio de campo da Ponte Preta, Fellipe Bastos quer não apenas fazer um grande jogo na noite de hoje (20) diante do São Paulo, mas também deseja marcar seu nome na história. O atleta é um dos nomes de destaque entre os titulares do técnico Jorginho para a primeira partida da semifinal da Copa Total Sul Americana e não vê a hora de entrar em campo.

“A expectativa é muito grande, é de fazer um excelente jogo e de nós conseguirmos fazer gols lá. Sabemos que é importante gol fora de casa e por ser um jogo muito importante para a Ponte. Sabemos que se passarmos pelo São Paulo temos grandes possibilidades de marcar nosso nome na história da Ponte Preta. Então o primeiro jogo é de suma importância para nós”, afirma Bastos.

Para ele equipe tem que esquecer totalmente o Campeonato Brasileiro nesta noite e colocar o pensamento focado totalmente na competição internacional. “Temos que trocar a chave. As coisas não estão acontecendo no Brasileiro e temos que pensar na Sul Americana porque é um campeonato totalmente diferente. É um campeonato em que temos chances de chegar ao título. Se queremos marcar nosso nome na história, temos que conquistar”, diz.

O atleta, que já marcou um gol de falta na competição, diz que se pintar uma chance vai querer balançar as redes novamente. “O pé está calibrado, sim. Treinei algumas faltas e vou botar o pé no ar enquanto estiver no hotel para estar em ponto de bala para dificultar o Rogério Ceni nas bolas paradas”, confia o jogador.

Ele finaliza dizendo que quer ver a torcida empolgada fora de casa. “Sei que a maior parte dos torcedores lá no Morumbi serão do São Paulo, mas os nossos que forem podem acreditar na gente, porque vamos procurar dar alegrias a eles”.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS