Aranha valoriza empate fora de casa e quer sequência positiva em Campinas, para aumentar regularidade no Brasileirão

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

Após reapresentação, o elenco da Ponte Preta já iniciou os trabalhos visando a partida dessa quinta-feira (22), contra o Cruzeiro. Esse será o primeiro, de dois jogos seguidos que a Macaca fará no Majestoso, já que no domingo enfrenta o Palmeiras. Querendo criar uma sequência positiva, Aranha valoriza a conquista do ponto diante do Santos, na rodada passada.

 

“Foi um bom resultado. O Campeonato Brasileiro é muito equilibrado e cada ponto é importantíssimo, ainda mais diante de uma grande equipe, com jogadores de seleção. Temos que valorizar esse ponto. No primeiro tempo fizemos uma boa partida, já no segundo era normal que o Santos apertasse, por estar jogando em casa. Mas conseguimos suportar a pressão e tivemos oportunidade até de vencer, infelizmente não aconteceu”, diz o goleiro, que destaca.

 

“Temos feito uma boa campanha em casa. Esperamos manter isso, com essa regularidade em Campinas, e procurar pontuar mais fora. Vamos fazer o possível para prevalecer dentro de casa. Acho que essas duas partidas que faremos no Moisés, pode nos dar uma tranquilidade, para buscarmos os pontos fora”, reforça o jogador.

 

Para Aranha, atuar bem como mandante é um dos fatores que pode ajudar a melhorar o desempenho, também com visitante. “Se não faz o dever de casa, a equipe vai pressionada no campo do adversário e as coisas se complicam mais. É importante mantermos as vitórias em casa, para termos tranquilidade de poder ser mais ofensivo fora de casa, preocupado mais em vencer do que não perder”, avalia o atleta.

 

Segundo o jogador, a equipe tem potencial para fazer um campeonato muito positivo. “A Ponte tem um time experiente, maduro e uma garotada boa também. Tem uma mescla interessante no time, e apesar das suas limitações, temos tudo para ter um ano tranquilo. Só vai depender do nosso empenho, das nossas forças, para fazer isso acontecer. Aonde iremos alcançar no Campeonato Brasileiro, eu não posso dizer, porque não tenho como prever. Mas da para observar, pelo o que a Ponte tem jogado, que se continuarmos mantendo a mesma pegada e entrega, teremos pelo menos um ano tranquilo”, ressalta Aranha, que alerta.

 

“Na Série A do Brasileiro não tem time fraco ou time mais ou menos. A Ponte fez um jogo em Goiânia, onde muitos diziam que já estava ganho e vimos a dificuldade que foi. Não dá para baixar a guarda e entrar relaxado. Fomos para lá focados, concentrados, cientes que encontraríamos dificuldades, mas não foi suficiente e perdemos. Temos que estar ainda mais ligados”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS