Copa SP: nas oitavas, Macaca perde nos pênaltis e dá adeus à competição; na Copa Santiago, SUB17 estreia empatando com o São Paulo

Apesar de uma boa e empolgante campanha, a Ponte Preta deu adeus a Copa São Paulo ontem, no jogo das oitavas de final. Em um campo muito ruim e com direito a pênalti não marcado na primeira etapa da partida, a equipe do treinador Leandro Zago empatou por 1 a 1 no tempo – a Macaca saiu atrás e empatou com Darlyson. Nos pênaltis, porém, o Batatais foi melhor, marcou 4 a 2 e ficou com a vaga nas quartas.

“Ficamos muito chateados com a eliminação. A gente buscou o jogo o tempo todo, naquele campo de medidas reduzidas, sabíamos que o campo seria ruim e o intervalo de descanso dos atletas foi pouco, ainda mais tendo que viajar, mas agora não adianta ficar falando isso. Como resultado final do trabalho vimos vários atletas promissores, com bom jogo, mas poderíamos e deveríamos ter ido mais longe na competição”, pontua o treinador.

Vale lembrar que a Ponte optou por levar atletas um pouco mais novos para a Copinha – não levou, por exemplo, jogadores como Matheus Jesus, Ravanelli, Léo Cereja e Ivan, que tinham idade para a disputa, mas já atuam no profissional – justamente para dar chance e observar novos talentos. O jovem Yuri, por exemplo, que mesmo com a eliminação se mantém na artilharia da Copina com dez gols, poderá jogar a competição novamente o ano que vem em virtude de ser mais novo.

Copa Santiago

O time Juvenil da Macaca estreou ontem na Copa Santiago SUB17, competição disputada anualmente no Rio Grande do Sul, e empatou com o São Paulo em 1 a 1 (o gol alvinegro foi anotado por Wallison. A Macaca volta a campo às 21 horas da próxima terça (17), contra o Internacional-RS.

Participam da competição, além destes três times: Atlético Santa Cruz da Bolívia, Chapecoense, Cruzeiro, Figueirense, Gama-DF, Grêmio-RS, Palmeiras, Sport Recife e Atlético 3 de febrero, do Paraguai. 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS