SUB20: em manhã de Osmar (destaque da Taça das Favelas) e Gabriel, Ponte vence Oeste por 2 a 0

Foto: PontePress/DiegoAlmeida

 

Num jogo quente, que valeu muito o brilho da estrela de um menino de 18 anos, a Macaca venceu o Oeste por 2 a 0 nesta manhã de quinta-feira (4), no Majestoso, em jogo válido pela 4ª rodada da segunda fase do Campeonato Paulista SUB20. Osmar – que chegou na Macaca após ter sido destaque na Taça das Favelas, em 2019 – havia iniciado a partida no banco de reservas e entrou para balançar duas vezes as redes.

E antes do apito final, Gabriel ainda defendeu pênalti e fez três belas defesas, em sequência, para garantir o placar. Com o resultado de hoje, a Macaca chega a 5 pontos, dois a menos que o Oeste – líder da chave -, se mantém na briga pela classificação, e agora enfrentará o Tanabi, na próxima quinta-feira (11), fora de casa.

O jogo

A Macaca entrou em campo decidida, desde o primeiro minuto, a conquistar a vitória. Minimizou os riscos e apostou nas jogadas trabalhadas, principalmente pelas pontas extremas com Bruno José e Pedrinho. E quando a jogada vinha pelo alto, Gabriel Rodrigo e Igor Maduro tratavam de disputarem levando riscos ao gol de Alexandre.

Aos 26’, Kallebe lançou Amaral, na área. O meia foi derrubado, mas a arbitragem nada marcou e ainda amarelou o técnico Eduardo Abdo por reclamação. Aos 32’, Thiago – pela esquerda – recebeu um belo passe e bateu na saída do goleiro que conseguiu ficar com a bola.

Segundo tempo

Se o primeiro tempo já havia sido com pressão da Macaca, no segundo ela não quis saber de papo. E, logo ao 5’, Osmar, que havia acabado de entrar, recebeu assistência de Igor Maduro, girou sobre a marcação na direita da intermediária e bateu forte para abrir e fazer 1 a 0.

Pedrinho, aos 23’, tentou ampliar, após criar bela jogada individual pela esquerda, mas acabou sendo derrubado. Ele mesmo cobrou a falta, mas o chute saiu a esquerda do goleiro. Porém, no minuto seguinte, aos 25’, Osmar aproveitou a bobeira do zagueiro, recuperou a bola e bateu colocado na saída do goleiro Alexandre para ampliar, 2 a 0.

Os adversários deram a resposta aos 32’, numa cobrança de falta de Malta, que obrigou Gabriel a se esticar todo para defender e mandar para escanteio. E, aos 38’, novamente, o ‘anjo’ Gabriel se agigantou e buscou no canto direito o pênalti batido pelo atacante Diogo. Aos 44’, ainda Gabriel: o camisa 1 efetuou três defesas seguidas e garantiu a vitória da Macaca.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS