Já em Belém, Ponte treina neste sábado e capitão Ivan enfatiza: “Teremos que usar a inteligência e sermos frios e calculistas para vencer o Remo”

Já em Belém, a Ponte Preta fez neste sábado o último treino – no CT do Tuna Luso – antes de enfrentar o Remo amanhã. O goleiro e capitão Ivan enfatiza que os jogadores estão extremamente focados em vencer e conscientes de como precisam agir se quiserem voltar para Campinas com três pontos na bagagem.

“A gente sabe da responsabilidade que tem. A Ponte é um time de camisa, tradição. Para ganhar precisamos nos unir cada vez mais e usar a inteligência, sermos frios e calculistas. E nesta reta final cada detalhe é importante, temos que ter atenção com a bola do apito inicial ao final”, diz.

O camisa 1 acredita que a Ponte tem toda condição de ficar em uma situação mais confortável na tabela, especialmente se conseguir um resultado positivo no domingo e na sequência fizer valer o mando de jogo contra o Vitória, em um “conflito direto” em casa. “Mas temos que pensar jogo a jogo e agora nosso maior desafio é o Remo. Estamos sem ganhar há quatro partidas, mas temos feito bons jogos, fora contra o Avaí fomos bem e fomos prejudicados em outros dois jogos pela arbitragem que errou, todos se lembram do jogo contra o Vila Nova, inclusive. Mas não devemos nos apegar a isso e sim focar em vencer, pois só sairemos dessa com trabalho e resultado”, afirma.

Questionado se já está 100% recuperado da lesão no pulso que o deixou fora do gol alvinegro por um longo período, Ivan não titubeia: “Estou totalmente recuperado, sem dor. Foi um momento difícil, mas passou, e a lesão me ensinou a dar valor às coisas por menores que sejam. Hoje estou muito feliz de estar treinando e jogado novamente.”

Por fim, o camisa 1 fala sobre o que precisa ocorrer para deixar para trás de uma vez por todas qualquer risco de rebaixamento. “Primeiro faço um apelo de união: nosso grupo está bem fechado, mas é preciso que todos, inclusive a torcida, estejam cada vez mais juntos para sairmos desta situação. Estou certo que neste sábado se melhorarmos um pouco e estivermos atento a detalhes, do primeiro ao último segundo, podemos sair com a vitória. Então é dar o máximo, suar sangue pra conseguir resultados e pontos que nos faltam”, finaliza.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS