Acompanhado por presidente da FPF, Tiãozinho apresenta pessoalmente a imagem de pênalti improcedente a presidentes da Comissão de arbitragem e da CBF; manifestação oficial da entidade é aguardada

Foto:PontePress

O presidente da Associação Atlética Ponte Preta, Sebastião Arcanjo, esteve pessoalmente nesta quarta-feira (6) na sede da Confederação Brasileira de Futebol. Acompanhado pelo presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Bastos, Tiãozinho foi recepcionado pelo presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, e pelo presidente da comissão de arbitragem da entidade, Leonardo Gaciba.

“A Ponte e a FPF vieram juntas pra oficializar o protesto contra a arbitragem de nossa partida contra o Vila Nova e o pênalti inexistente, grotesco e inaceitável marcado contra a Ponte no final do segundo tempo, que deu o gol de empate ao time adversário e nos tirou dois pontos legítimos”, destaca Tiãozinho.

O presidente pontepretano conta que os integrantes da CBF irão se pronunciar oficialmente sobre o caso em breve e que a Ponte pediu que a manifestação seja feita com urgência máxima. “Todos assistiram as imagens em vídeo do lance, que já rodou país afora e causou grande impacto pela decisão absurda do juiz auxiliado pelo VAR. Em um primeiro momento, ninguém discordou de que foi um erro grosseiro que prejudicou a Ponte, mas aguardaremos a manifestação oficial e as providências que serão tomadas”, enfatiza o dirigente alvinegro.

O presidente da FPF, Reinaldo Bastos, endossa a necessidade de que a Comissão de Arbitragem  da CBF se manifeste rapidamente em relação ao caso. “A Federação não só está ao lado da Ponte Preta e dos times paulistas que sofrem com eventuais erros de arbitragem como entende que o VAR é uma ferramenta importante e não pode ser desacreditado por erros grosseiros como o que claramente ocorreu no jogo com o Vila Nova. Até para que não haja esse descrédito, a Comissão tem que se pronunciar e agir para que esses equívocos deixem de ocorrer”, afirma.

Impugnação

Além da representação apresentada à CBF, a Ponte Preta também ingressou na tarde de segunda-feira (4), no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), com pedido de impugnação da partida entre Ponte Preta e Vila Nova.. O pedido foi encaminhado para análise do presidente do STJD do Futebol, Otávio Noronha.  Caso o Tribunal aceite o recebimento do pedido, os pontos da partida são retirados até que saia uma decisão final – e, caso ocorra a impugnação, um novo confronto será marcado. 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS