Em nova bateria de exames, mais nenhum atleta ou integrante da Comissão testa positivo para Covid, nem foi detectado mais ninguém com sintomas; oito jogadores permanecem afastados

Foto:PotePress/DiegoAlmeida

A Ponte Preta recebeu ontem os resultados dos mais recentes testes de Covid-19 do elenco e comissão técnica e, felizmente, todos foram negativos. Também não há mais ninguém que tenha apresentado sintomas. Lembrando que não são apenas os atletas que ainda não tiveram Covid são testados: aqueles que já tiveram a infecção, depois de um 60 dias, voltam a ser testados novamente, já que os casos de re-infecção já são uma realidade no Brasil  – na Macaca, Dahwan é o único caso registrado  de re-infecção até o momento.

Por sinal, o jogador foi liberado ontem para retornar aos treinamentos. Além disso, conforme previsto, também foram liberados para as atividades neste domingo (21) os atletas Apodi e Luan. Eles já superaram a infecção, porém ainda precisarão de tempo de recuperação antes de poderem voltar atuar. Já Renan Mota também foi liberado em relação à Covid, mas, como havia se lesionado na partida contra o Gama, amanhã deve ser avaliado pelo Departamento Médico no tocante à lesão.

Entre os atletas alvinegros, oito permanecem afastados com Covid-19: Yuri, Igor Maduro, Papa Faye, Anderson, Marcos Junior, Jean Carlos , Leo Naldi e Thiagão. Destes, Yuri deverá ser o próximo a retornar, com previsão para o dia 23 de março. Já entre os integrantes da Comissão Técnica e demais funcionários um total de seis pessoas permanece afastado, entre eles o técnico Fábio Moreno. Na atual temporada, desde fevereiro, a Macaca já teve 32 afastamentos em virtude do coronavírus.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS