Ponte Preta da Copa Paulista sai atrás no placar, mas conquista o primeiro ponto na competição com gol de Veras; confira o que o atacante e o treinador falaram sobre o jogo

Foto:PontePress/ÁlvaroJr

Jogando no Majestoso contra a equipe do Juventus, a equipe da Ponte Preta que disputa a Copa Paulista (formada por jovens atletas do profissional, SUB20 e alguns SUB17) saiu atrás, mas conseguiu o empate – com um golaço de João Veras, aos minutos do segundo tempo – e por pouco não virou. O placar de 1 a 1 deu ao time o primeiro ponto na competição. Com dois jogos, o elenco comandado por Sandro Forner está na rabeira da tabela do grupo D, mas terá uma boa chance de subir na tabela se vencer o líder São Bernardo (que tem quatro pontos), em partida marcada para às 15 horas deste sábado (14).

“Até os 20 minutos fomos melhores e poderíamos ter saído na frente, mas o Juventus fez gol numa falha nossa. Na volta do intervalo dominamos totalmente o segundo tempo, empatamos e tivemos algumas oportunidades que, com um pouco mais de capricho, nos levariam a vitórias. No âmbito geral, foi uma boa partida, contra adversário difícil, um time profissional que tem jogadores que inclusive disputaram a série A”, avalia o treinador.

Na opinião de Forner, a equipe evoluiu em relação ao confronto anterior, quando foi superada por 3 a 2 pela Portuguesa Santista, apesar de ter feito um bom jogo. “Esta foi a segunda partida que disputamos, sendo que a maioria dos atletas fazia um ano que não atuava antes dessa competição. Evoluímos em relação à estreia e espero que no próximo jogo continuemos evoluindo. Estamos buscando uma consistência, melhorar a performance para ter chance de conquistar a primeira vitória”, diz.

Um gol por jogo

Autor de uma verdadeira pintura que deu números finais ao placar no Majestoso, o atacante João Veras – que no jogo passado já havia balançado as redes e dado uma assistência para o outro gol alvinegro – foi um dos destaques do esquete pontepretano.

“A gente sabia que ia ser complicado e queria a vitória, que infelizmente não veio. Mas vamos seguir trabalhando, achamos que nosso o time é bom e dá para chegar longe na competição”, diz.

Sobre a boa performance individual, o atleta ressalta que ela é fruto de muita labuta. “Dois jogos, dois gols e uma assistência, isso me deixa muito feliz. Estou trabalhando duro, sou movido a gols, treino todo dia pra isso e Deus me presenteou”, afirma, acrescentando que espera voltar a balançar as redes na rodada de sábado.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS