Rayan fala de compactação e equilíbrio do time, e reforça que elenco acredita no acesso: “Temos o segundo turno inteiro pela frente e estamos empenhados para fazer história com a camisa da Ponte”

Foto:PontePress/ÁlvaroJr

De volta ao time alvinegro depois de ter ficado dois meses fora dos gramados, em virtude de uma fratura na mandíbula, o zagueiro Rayan está determinado a engrenar na posição e ajudar a Macaca na busca pelo acesso. “Infelizmente aconteceu minha lesão e foi a segunda fratura na face no ano, mas agora é voltar com tudo. Falta um jogo pra encerrar o primeiro turno e temos um segundo turno inteiro pela frente. Quero subir, fazer história na Ponte, e não só eu como todos os demais atletas estamos empenhados para isso”, afirma o defensor.

Na opinião do atleta, apesar dos revezes sofridos pela Macaca nas últimas duas partdas, o momento não é de desanimar e, sim, de corrigir erros e voltar a vencer. “Estamos bem perto do G4 e acredito que vamos conseguir entrar no eixo com o Marcelo Oliveira. Estamos treinando forte para ajeitar o que é preciso e retomar o caminho da vitória, o que vamos lutar para que aconteça nesta segunda-feira”, pontua.

O jogador afirma que o elenco têm trabalhado arduamente para melhorar o sistema defensivo alvinegro. “Estamos mexendo na questão de compactação do time. Quando atacar todo mundo tem estar perto, quando defender também não podemos deixar espaços. É encontrar esse equilíbrio para voltar as vitórias, sem se importar com o placar: não precisamos fazer muitos gols, se ganharmos por um a zero e tivermos uma defesa sólida, são três pontos do mesmo jeito”, diz.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS