Dahwan destaca confronto de sábado como chance de entrar no G4

Foto: PontePress/LuizGuilhermeMartins

A Ponte faz nesta sexta-feira (28) os últimos treinamentos em Camaragibe, em Pernambuco, antes de enfrentar o Sampaio Corrêa pela sexta rodada do Brasileiro da série B no sábado.  Amanhã (29), data do jogo, o elenco embarca para São Luís do Maranhão, onde enfrenta às 21 horas a equipe da casa em busca de mais uma vitória na competição.

O foco no resultado positivo é total, até porque – como enfatiza o volante Dahwan – a partida pode se mostrar como a porta de entrada para a equipe alvinegra entrar no G4. A equipe do técnico João Brigattii está na quinta posição, com oito pontos, a um dos quatro primeiros e a três do líder Paraná (por sinal, o próximo confronto da Ponte após o de sábado).

“A partida contra o Sampaio Corrêa é de tamanha importância, pois sabemos que podemos entrar no G4 e vamos lutar até o último minuto para que possamos ganhar a partida e ficar nas primeiras quatro posições”, destaca o volante Dahwan. O jogador destaca que a equipe tem consciência  também de que o embate será complicado.

Contudo, diz, o time está preparado e entrará em campo totalmente focado na conquista de três importantes pontos. “Vai ser um jogo muito difícil, mas vamos em busca da vitória”, garante.  Uma das ferramentas para isso, opina, é mostrar uma entrega como a que ocorreu no jogo da Copa do Brasil na última terça, quando o time conquistou a vaga para a quarta etapa da competição.

“. A gente vinha trabalhando forte todos os dias para que chegasse o momento daquele jogo e pudéssemos passar à próxima fase, pois sabia da importância que tem a Copa do Brasi, assim como sabemos da relevância da partida de amanhã.  O grupo está de parabéns pela classificação na terça e fechado para seguir em busca de uma nova vitória, agora pela série B”, conclui.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS