Brigatti vê evolução do time e acredita que vitórias estão prestes a começar: “A Ponte está no caminho certo e ainda vai dar muita alegria pra torcida”

Foto: PontePress/ÁlvaroJr

Evolução. Esta é á a palavra principal na avaliação que o técnico João Brigatti faz do jogo de ontem contra o Brasil-RS, na casa do adversário, quando a Ponte – que treinou no hotel e Porto Alegre nesta manhã e retorna à tarde para Campinas – conquistou o primeiro ponto no Campeonato Brasileiro. Para o treinador, ainda que o empate em um a um tenha sido injusto, o crescimento do time em campo é um ponto positivo.

“Se compararmos com a partida anterior fica claro que ontem houve uma evolução, apesar de só termos podido treinar um dia entre os jogos,  no CT do Inter. No primeiro jogo enfrentamos um time bem montado e sofremos com um muitos erros de passe, o que nos atrapalhou muito. Já no Sul nossa equipe se comportou muito bem,  fizemos o balanço, toda hora nós buscamos inverter o lado e tivemos uma evolução relevante principalmente nos acertos de passe, com mais de 60% de posse de bola e 85% de acerto nos passes”, destaca.

Brigatti critica a postura “retranqueira” do oponente. “Sabíamos que a equipe adversária vinha com em uma proposta de um 5-3-2. Eu jamais vou jogar dessa maneira, se é a Ponte Preta que joga assim em Campinas a gente está fadado a críticas. Mas tivemos uma boa postura em todos os momentos da partida, primeiro e segundo tempos, propomos o jogo e fomos pra cima do adversário, o encurralamos. Basta ver que o Brasil de Pelotas veio chutar a primeira bola no gol aos 27 minutos do segundo tempo”, diz.

Ele complementa: “Lógico que o resultado acabou sendo ruim, até porque a gente vinha vencendo a partida, mas temos que ver o todo. E nele a Ponte Preta está evoluindo e você pode ter certeza: daqui a pouco vamos estar ganhando uma, duas, três, porque esse time tem muita qualidade. É início de temporada e temos que ter calma, porque vamos subir muito de produção.”

Vitória

A expectativa do treinador é conquistar a primeira vitória na noite de sexta-feira, no Majestoso. “A Ponte está no caminho certo e ainda vai dar muita alegria pra nossa torcida. Lógico, faltam ajustes e isso vem com o tempo, com os treinamentos…no momento quase não está dando para treinar, só mostrando em vídeos, mas o comportamento da Ponte ontem foi exemplar.”

O treinador adianta que em breve poderá contar com um poder ofensivo ainda maior, quando se integrarem ao time Luan Dias, Mateus Peixoto e Osman – este último, conta, deve estar à disposição já nesta próxima rodada.  “São atletas que vão qualificar demais nosso poderio ofensivo, estamos aguardando para que eles estejam prontos. Acredito que poderemos utilizar Osman já neste jogo contra o Vitória”, conclui.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS