Brigatti lamenta derrota na estreia, mas acredita em melhora diante do Brasil-RS: “Equipe vai evoluir muito nos próximos jogos e, com a evolução, virá a vitória”

Foto:PontePress/ÁlvaroJr

Mais do que lamentar o revés diante do América-MG na estreia pelo Brasileiro da série B, o técnico João Brigatti acredita que o placar será um ponto fora da curva.  “Com as mudanças que fizemos, sabíamos que podíamos sofrer um pouco neste primeiro jogo, mas não esperava que pecássemos tanto nos pasess. Porém, foi a primeira partida e acredito que é compreensível. Temos tempo para treinar esse time, é primeira formação com atletas novos e penso que vai haver um crescimento muito grande. Confio demais nos atletas e, não é uma derrota na estreia que vai afetar nossos planos de subir para a série A”, diz.

O elenco já viaja hoje (9) para o Rio Grande do Sul, onde treinará na segunda-feira. “É um jogo difícil, mas nosso pensamento é de nos recuperar. Creio que neste próximo jogo já vamos nos comportar melhor, temos rodagem,  mais qualidade. É por a bola no chão e equipe criar e finalizar mais em gols. Ontem não foi nosso dia, mas estou certo que a equipe vai evoluir muito nos próximos jogos, vai entrosar um pouco mais e, com a evolução, com certeza as vitórias virão.”

Análise do jogo

João Brigatti fala um pouco sobre o que viu em campo ontem. “Começamos até bem e criamos algumas situações interssantes, Poderíamos ter aberto o placar com aquela cabeçada do Dahwan e a história seria outra. Mas o América começou a subir a marcação e erramos muito nos passes e complicou. Entendo que o pênalti no qual eles marcaram o gol não existiu e isso nos atrapalhou”, diz.

O comandante alvinegro destaca, porém, que na etapa complementar o time rendeu mais. “Começamos a melhorar,  a fazer o giro que não estávamos conseguindo fazer no primeiro, mas infelizmente não conseguimos o empate. Fico muito chateado com a derrota, mas vejo muitos pontos bons na equipe, em especial a doação dos atletas, que mantiveram o espírito de entrega que tiveram no Paulista. Agora temos mais qualidade técnica, vai haver evolução.  Na terça vai ser difícil, mas vamos buscar três pontos”, enfatiza.

Ele conclui falando sobre o fato de diversas estréias terem ocorrido ontem e elogia os novos jogadores, em especial o atacante Zé Roberto. “A entrada desses atletas se fazia necessária para termos mais força nesta série B forte. Acho normal que tenha havido um pouco de falta de entrosamento, mas temos que levantar a cabeça e trabalhar. No caso do Zé Roberto, ele mostrou uma disposição muito grande, criou, é esse espírito. Ele sabe como é vestir a camisa e vai nos ajudar demais.”

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS