Conselho Deliberativo aprova Balanço de 2019 com 89,8% de votos

Foto: PontePress

Com 89,8% dos votos, o Conselho Deliberado da Ponte Preta aprovou neste sábado o Balanço 2019 da instituição. A votação ocorreu na primeira reunião do Conselho realizada por teleconferência, que se mostrou um sucesso absoluto. Ao todo, 95 conselheiros chegaram a se conectar ao encontro iniciado na manhã deste sábado (25), um número que ultrapassa a presença registrada em diversas reuniões presenciais.

“Tivemos uma participação significativa, com inclusive de diversos conselheiros que fazem parte do grupo de risco do Covid19 e puderam falar e votar das próprias casas. Foi uma reunião que rompeu com o paradigma dos encontros presenciais e que abre um caminho definitivo para a modernização de procedimentos e ferramentas que estamos implementando no Conselho”, pontua Tagino Alves dos Santos, presidente do Conselho.

O balanço foi aprovado após mais de quatro horas de debates e votação. Ao todo, 59 conselheiros votaram – 36 conselheiros que entraram na reunião não permaneceram para participar da votação nominal, em virtude do encontro ter se estendido. Do total de votos, 53 foram a  votos a favor (40 deles pela aprovação na íntegra e 13 pela aprovação com ressalvas); quatro votos, pela suspensão da votação; um voto foi pela rejeição das contas e houve ainda uma abstenção.

Os votos com ressalvas foram capitaneados pelo conselheiro Eduardo Coelho, que destacou que a Ponte Preta precisa elaborar com urgência uma solução estrutural para enfrentar o endividamento da instituição.

O presidente Tagino Alves dos Santos conclui: “Foi uma reunião democrática, atendendo a todas as exigências legais  e protocolos de segurança, e ficamos satisfeitos pelo fato de o modelo on line ter funcionado de maneira efetiva, possibilitando que os conselheiros pudessem participar da reunião de onde preferissem, com conforto e segurança. Sempre há o que aprimorar, mas ficou claro que a modernização não só é possível como é também um caminho inexorável.”

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS