Ponte treina de olho no Ituano e Roger, autor do gol da vitória na Copa do Brasil, ressalta que oscilação é o principal adversário a ser batido; Dahwan também fala sobre as competições

Foto:Max Peixoto

De volta do Rio Grande do Sul com a classificação para a próxima etapa da Copa do Brasil na mala, a Ponte Preta mudou a chave e treina neste final de semana de olho em uma vitória contra o Ituano pelo Campeonato Paulista. O atacante Roger, autor da vitória que garantiu a vaga na próxima fase competição nacional, destaca que o grande adversário a ser superado pelo elenco não é outro time e, sim, a irregularidade que, ressalta, o time não pode mais mostrar no gramado.

“A gente precisa aprender, temos oscilado muito nos jogos. Precisamos achar o equilíbrio para começar a triunfar”, pontua o atleta, relembrando que no jogo no Sul o segundo tempo da equipe não foi bom, em oposição  um segundo tempo muito bom realizado contra o Palmeiras pela última rodada do Paulista, por exemplo.

“A gente tem que tirar tudo isso de lição. Conseguimos a classificação, que era o mais importante, mas é preciso que seja um aprendizado”, pontua o camisa 9. O volante Dawhan também exalta a vitória sobre o Novo Hamburgo. “Foi importantíssimo para nos dar mais confiança para as próximas fases da competição. Essas partidas em jogo único sempre são complicadas, qualquer erro pode colocar a classificação em risco. Graças a Deus, conseguimos ter tranquilidade e saímos classificados”, diz.

Dawhan também destaca que a vitória na competição nacional pode alavancar uma sequência de vitórias também no Campeonato Paulista. ““Com certeza essa vitória foi muito importante para a sequência do Paulistão e  vamos buscar engrenar uma série de placares positivos agora no estadual. É sempre importante ter uma boa sequência de resultados para dar ainda mais confiança para o elenco”, conclui.

.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS