Autor de um dos gols do jogo-treino contra o Desportivo, Felipe Saraiva diz ter amadurecido e evoluído como jogador: “Sou um outro Saraiva, aprendi muito neste período em que estive fora da Ponte”

Foto:PontePress/LuizGuilhermeMartins

Vontade e confiança. Duas palavras que saltaram à boca de quem viu Felipe Saraiva no jogo-treino da Ponte Preta ontem (15) contra o Desportivo Brasil. Atuando no segundo tempo, quando saíram todos os gols da partida vencida pela Macaca por 2 a 1, o atacante fez um golaço e por muito pouco não marcou uma segunda pintura, tendo mandado ainda uma terceira bola raspando a trave. “Essa confiança mostra que sou um outro Saraiva. Aprendi muito neste período em que estive fora da Ponte”, diz.

O atleta de 21 anos disputou o Brasileiro do ano passado pelo Botafogo-SP, para o qual foi emprestado pela Macaca justamente para ganhar mais experiência. De volta à casa, Saraiva está animado para vestir mai uma vez a camisa pontepretana pelo Paulistão e promete muita garra em campo.    “Minhas expectativas são muito boas, quero ajudar na conquista do melhor para a Ponte e, consequentemente,  o melhor para mim e todos os companheiros”, afirma.

Hoje e sexta, o a pré-temporada segue com treinamento intenso em Bragança Paulista. No sábado, o time faz novo jogo-treino, contra o Capivariano. Para Saraiva, esse período de concentração total do elenco antes do início do Paulista é fundamental. “É um momento para aprendizado máximo. Estamos nos aprimorando mais antes do Paulista, nos aperfeiçoando para fazer uma boa estreia”, acredita o jogador, lembrando que a primeira partida em 2020 já é na semana que vem, na noite de 23 de janeiro contra o Santo André

Sobre vestir ou não a camisa como titular na estreia, Saraiva deixa a decisão para o técnico Gilson Kleia. “É muito boa pra Ponte a disputa por posição. O time tem boas opções e tenho certeza que quem estiver melhor vai jogar”, finaliza.

Ponte 2 x 1 Desportivo

Gols da Macaca: Ponte Preta 2 v 1 Desportivo Brasil from Ponte Preta [OFICIAL] on Vimeo.

No jogo-treino de quarta-feira a Ponte Preta venceu o Desportivo Brasil-SP, de virada, por 2 a 1, no HWT Sports, em Bragança Paulista. O time teve composições diferentes nos dois  tempos e todos os gols saíram na etapa complementar.

Caio César abriu o placar para o adversário; Felipe Saraiva e Alisson definiram a vitória com duas assistências de Vinícius Zanocelo.  O time escalado pelo técnico Gilson Kleina no primeiro tempo, empatado sem gols, teve Ygor Vinhas; Jefferson, Wellington Carvalho, Henrique Trevisan e Guilherme Lazaroni; Dawhan, Camilo e João Paulo; Apodi, Bruno Rodrigues e Roger. Após o intervalo, a escalação foi de Ygor Vinhas; Matheus Alexandre, Alisson, Léo e Yuri; Danrley, Bruno Reis e Vinícius Zanocelo; Mateus Anderson, Felipe Saraiva e Alisson Safira.

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS