Nota de repúdio- Goal.com

 
A Ponte Preta repudia veementemente a matéria do jornalista Bruno Andrade, da Goal.com, publicada neste dia 30 de outubro. As afirmações feitas pelo repórter são improcedentes, descabidas e desprovidas de qualquer prova ou documento comprobatório, constituindo-se em uma matéria fantasiosa e com claro direcionamento político.
 
Causa espanto que uma matéria que distorce fatos como estes surja em um momento de disputas políticas na instituição, e que um jornalista sediado em Portugal faça um elo entre a acusação descabida levantada por ele e as recentes acusações envolvendo o ex-Diretor de Marketing e a prestadora de serviços do bar da Ponte Preta. Acusações estas graves que estão sendo investigadas por Processo Administrativo do clube e pelas autoridades públicas competentes.
 
Mais ainda, não há notícia de nenhuma “frente” investigando as falácias citadas na matéria e nem, muito menos, os atletas Camilo e Abner têm qualquer relação com a Elenko. 
 
O que há, de fato, é que a Ponte Preta formalizou empréstimo de um milhão de reais da Elenko, o qual está devidamente contabilizado no Balanço do time. Está devidamente auditado e aprovado, dentro da legalidade, sem afronta aos regulamentos da FIFA e da CBF. O empréstimo foi realizado na forma da lei, tal qual outras gestões também realizaram em outros momentos e com outras empresas e pessoas.
 
Quanto à Elenko, é fato público e notório que tem relações comerciais com a Ponte desde 2013 (ou seja, passando pelas gestões Márcio Della Volpe, Vanderlei Pereira e José Armando Abdalla), sem que nenhuma irregularidade exista em todo este tempo.
A Elenko representa diversos atletas – entre eles o goleiro Ivan, antes representado por outro agente – gerenciando as carreiras destes jogadores, por opção dos próprios jogadores e não da instituição Ponte Preta.
 
Reiteramos que em relação à Ponte Preta o que existem são relações comerciais normais, legais e sadias, com procedimentos que em nada diferem desta gestão para as anteriores nas quais esta parceria esteve presente, e que, repetimos, deve ser enaltecida por se tratar de uma boa relação comercial.
 
Tal prática comercial, inclusive, tem sido sistematicamente auditada nas contas da entidade e recebida – e aprovada – pelos Conselhos Deliberativo e Fiscal. Nem poderia ser diferente, uma vez que não fere a nenhuma norma ou lei. 
 
Isso posto, lamentamos por demais a prática que tem se tornado quase corriqueira do uso de mídias sociais e veículos de imprensa pouco expressivos ou periféricos, que sequer cobrem o esporte de Campinas e ficam até mesmo em outro país, para trazer “notícias” que padecem com a falta de seriedade jornalística e são permeadas pelo sensacionalismo e pela politicagem.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS