Diretoria irá instaurar processo administrativo para apurar denúncias de ex-rendatária de bar

A Diretoria Executiva da Ponte Preta pretende instaurar um processo administrativo para apurar denúncias feitas em um programa jornalístico de Internet pela ex-rendatária do bar do estádio, a senhora Rosemeire, envolvendo o ex-diretor de Marketing Eric Silveira na noite desta quinta-feira (24). O presidente José Armando Abdalla Junior solicitará formalmente o responsável pelo programa , o ex-assessor de imprensa pontepretano José Henrique Semedo,  para que encaminhe todas as conversas, gravações e prints de tela para que possam ser utilizados para averiguação.

“Até então a Ponte Preta não tinha recebido nenhum tipo de denúncia formal neste sentido e nem permitiríamos qualquer irregularidade. Primamos pela legalidade e a transparência. Para instaurar um procedimento administrativo investigatório é necessário primeiro levantar informações e provas ao alcance para que sejam adotadas as medidas cabíveis e legais previstas no estatuto. Nada pode ser feito baseado apenas em alegações unilaterais, feitas inclusive por uma pessoa que estaria admitindo ter, supostamente, praticado um ato ilícito ao agir como laranja ”, diz Abdalla Jr.

Será apurado, inclusive, o sincronismo dos fatos recentes envolvendo sumiço de fichas cadastrais, ataque ao presidente da instituição, denúncias por perfis fake na Internet e finalmente a entrevista levada ao ar nesta noite.  Tal sequência leva a crer que haja pessoas que detêm informações que poderiam ter sido trazidas a quem de direito para averiguação, transparecendo uma conotação mais política do que preocupada com a instituição em si. Assim que tiver em mãos o material solicitado, a diretoria alvinegra se pronunciará em coletiva para a imprensa sobre todas estas questões e as medidas que serão tomadas a respeito do caso, inclusive com outros fatos que venham a ser apurados no decorrer da apuração.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS