Ponte empata sem gols com Atlético-GO e dorme a três pontos do G4

Foto: Victor Garcia/ACG

Em um jogo no qual a marcação foi o grande destaque do primeiro tempo e as chances reais apareceram na etapa complementar, a Ponte Preta empatou sem gols com o Atlético-GO e somou mais um ponto na competição. O resultado faz com que a Macaca durma na oitava posição, a três pontos do G4, mas a tabela ainda pode mudar, no complemento da rodada.

Além de duas boas chances, de Roger e do estreante Araos, o destaque do jogo foi o goleiro Ygor Vinhas, invicto no gol da Macaca, que fez duas defesas excepcionais. O placar de hoje levou a Ponte a uma sequência de três partidas sem perder e a expectativa agora é vencer em casa no próximo sábado (19), quando a Ponte enfrenta em casa o líder Bragantino.

O JOGO

O jogo se iniciou com os dois times se alternando em jogadas de ataque. O primeiro lance de ataque da Macaca ocorreu logo aos dois minutos, quando Renato Cajá arriscou de fora da área, mas a bola passou à direita do gol adversário. Na sequência, a equipe da casa cabeceou bola na área e Ygor Vinhas defendeu.

O jogo seguiu com marcação forte dos dois lados e poucas jogadas de maior perigo. Aos 30, Roger conseguiu fazer boa jogada e chutou, mas o juiz anotou impedimento. Com muito perde e ganha, mas poucos lances efetivos, no primeiro tempo a Ponte ainda teve uma chance com Marquinhos, mas a etapa terminou aos 46 sem muitas jogadas de perigo de ambos os lados.

No segundo tempo, a partida ganhou outro ritmo. Logo aos seis, Marquinhos mandou chute forte contra a meta adversária, mas a bola acabou saindo.  Aos 11, cabeceio de Mike na área da Ponte, mas Ygor defendeu com tranqüilidade. Aos 15, Cajá fez ótimo lançamento para Roger, que dominou em posição legal, mas a arbitragem marcou impedimento, de maneira equivocada.

Aos 21, Mike cruzou rasteiro para Moacir, que bateu forte à queima-roupa para grande defesa de Ygor Vinhas. Aos 27, após bela triangulação da Ponte, Roger bateu colocado e quase mandou no ângulo.  Aos 31, Diego Renan carimbou a barreira do Atlético-GO em cobrança de falta. Seis minutos depois, Ygor Vinhas fez nova defesa difícil em chute de Matheusinho. Aos 44, o estreante Araos quase deixa o dele. O chileno da Macaca bateu colocado, mas o goleiro adversário fez ótima defesa e impediu o gol.

Aos 45, Marquinhos cometeu falta para impedir ataque adversário e, como já tinha amarelo, foi expulso. Com um a menos, a Macaca sofreu pressão no finalzinho, com Ygor Vinhas tirando de soco uma bola de cobrança de escanteio perigosa aos 47. No minuto seguinte, o juiz apitou o fim do jogo: Ponte 0 x 0 Atlético Goianiense.

FICHA DO JOGO

Ponte Preta: Ygor,. Diego Renan, Renan Fonseca, Airtone Guedes; Washington, Camilo (Araos), Lucas Mineiro (Edson) e Renato Cajá (Gerson Magrão); Marquinhos e Roger. Técnico: Gilson Kleina.

Atlético-GO: Kozlinski; Reginaldo, Lucas Rocha, Gilvan e Nicolas; André Castro  (Matheuzinho), Moacir, Jorginho e Jairinho (Victor Paraíba); Aylon (Rodrigo Rodrigues) e Mike. Técnico: Eduardo Souza.

 Arbitragem: Gilberto Rodrigues Castro Júnior apitou a partida, com Clóvis Amaral da Silva e Bruno César Chaves Vieira como assistentes.

Cartões amarelos: Marquinhos, Lucas Mineiro, e Gilson Kleina (Ponte). Jorginho, Mike e Gilvan (Atlético-GO).

Cartão vermelho: Marquinhos (Ponte)

 Público: 2.251 pagantes (3.175 presentes)

Renda: R$ 38.290,00

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS