Macaca enfrenta o Figueirense fora de casa nesta noite: objetivo é vencer e dormir no G4

Foto: PontePress/ÁlvaroJr

Após vencer o 194º dérbi campineiro, a Ponte Preta entra em campo às 21h30 desta noite para enfrentar o Figueirense, no estádio do adversário, com foco em conquistar mais três pontos – se isso ocorrer, o time do técnico Jorginho chegará aos 26 pontos e vai dormir no G4, na quarta colocação. O elenco alvinegro sabe, porém que terá de se esforçar muito para conquistar a vitória.

“O Figueirense é uma das equipes mais fortes defensivamente e ganhou um fator motivador com o Vinicius Eutrópio, o que nos dificulta saber como eles vão jogar. Trabalhei no Figueira dois anos e sei como eles são competitivos. Sabemos que vivem um momento complicado financeiro, mas é só lembrar o momento que nós passamos aqui, quando tivemos alguns problemas e nossa equipe se empenhava muito mesmo assim. Os profissionais têm honra e uma vitória sobre a gente traria tranqüilidade para eles, então temos que ter atenção em dobro para conseguirmos vencer”, diz Jorginho.

Ele ressalta que a conquista dos três pontos para a Macaca hoje é muito importante. “O campeonato está num momento que, apesar de estar muito embolado, começa a ser definido quem vai ficar na parte de cima e quem vai ficar na parte debaixo da tabela, e quanto antes formos nos firmando na parte de cima da tabela, melhor”, enfatiza o treinador alvinegro, que já tem o time praticamente definido e faz pouco mistério.

Serão quatro mudanças em relação à equipe que venceu o Guarani, todas “forçadas”, seja pelo terceiro cartão ou por contusão ocorrida na última rodada. Airton, Henrique Trevisan e Washington entrarão nos lugares de Renan Fonseca (contundido), Guilherme Guedes (também lesionado) e Edson (suspenso), respectivamente. A única dúvida é no ataque, onde João Carlos e Tiago Marques disputam a vaga do suspenso Roger.

“Aqueles que entraram no decorrer da última partida vão ficar na titularidade neste jogo, só vamos definir ainda se entrará Tiago ou João na vaga do Roger. João é um jogador muito forte fisicamente, faz muito pivô. Apesar de ser forte, também tem uma boa velocidade. Tiago é um jogador que faz trabalho de pivô, mas também faz muito facão. Ele sai muito bem na diagonal, tem uma boa velocidade, apesar de ser muito grande. Então a gente tem que tomar essa decisão”, diz.

Jorginho também antecipa uma novidade no banco: o meia Rafael Longuine, relacionado pela primeira vez desde que saiu machucado contra o Cuiabá, em 1º de junho. “A gente sabe que é um jogador que está voltando de contusão, precisa de todo um cuidado, mas ele veio pra cá  com a gente, até pela necessidade que nós temos. Ele queria ter ido para o banco contra o Guarani, mas a gente achou muito cedo, principalmente por não ter feito nenhum trabalho em campo maior. Treinamos essa semana para que ele pudesse se adaptar bem e, se eu precisar dele no segundo tempo, com certeza ele está à disposição.”

A partida desta noite tem transmissão pela rádio 1900, a Voz da Macaca, em FM 96,5 e FM 98,3. Quem tem TV paga também pode assistir ao confronto pela SporTV, que transmite o jogo para todo o País, menos para Santa Catarina.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS