Jorginho chama a torcida para o embate contra o América-MG e destaca: “Tivemos duas derrotas doloridas, mas nosso time tem toda capacidade de superar esse momento e continuo confiante que a gente vai alcançar o objetivo”

Foto:PontePress/ÁlvaroJr

Após uma sequência arrebatadora que a levou ao G4 antes da parada da copa e uma boa vitória e um empate no Majestoso no retorno, a Ponte sofreu duas derrotas fora de casa e, se isso é frustrante, também não é terra arrasada.  “Tem muita coisa pela frente e tenho certeza que vamos conquistar nosso objetivo. Não podemos achar que por causa de duas derrotas tudo está perdido, ainda mais considerando que perdemos dois jogadores, o Abner que saiu e o Arnaldo, machucado, e ainda não reorganizamos totalmente a equipe. Continuo confiante que a gente vai alcançar o objetivo do acesso”, pontua o técnico Jorginho.

O treinador completa: “A gente vinha em uma sequência muito boa e precisa acreditar que nosso time tem toda capacidade de superar esse momento. São duas derrotas dolorosas, onde saímos na frente e podíamos até matar o jogo. Todos concordamos que precisamos ter equilíbrio durante todo jogo e não podemos tomar mais gol de bola parada, precisamos treinar muito, basicamente estamos sofrendo nesse item. Mas, apesar das duas derrotas fora de casa, uma contra o líder e outra contra uma equipe desesperada no estádio dela, estamos no caminho certo.”

O treinador conta que, com outro jogo na terça, será fundamental descansar os atletas e destaca que os próprios jogadores sabem da responsabilidade de vencer na próxima rodada. “Temos uma equipe com uma base muito experiente, atletas como Edson, Magrão, Roger…eles já falaram no vestiário, destacaram que estamos fazendo um bom trabalho e perdemos dois jogos que não devíamos, mas não podemos nos desesperar e sim nos equilibrarmos e voltar a vencer”, enfatiza.

Jorginho finaliza conclamando a torcida a vir para o estádio. “O torcedor fica chateado com a derrota assim como nós, mas tem muita coisa pra rolar, ainda estamos no primeiro turno.  O padrão tático da equipe é bom e estamos certos que tudo vai dar certo. Chamamos nosso torcedor para estar presente e motivar o time, a Ponte precisa da torcida e ela está sempre presente”, conclui.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS