Tiago Marques exalta chegada à Macaca: “Estou contente demais com esse novo desafio. Nesse time que tem uma tradição e um peso de uma camisa enorme”

 

Foto: PontePress/PedroOrioli

O técnico Jorginho tem mais uma opção no setor ofensivo. O atacante Tiago Marques está regularizado e à disposição da comissão técnica. O atleta, que já treina com o grupo há uma semana, faz a última atividade junto da equipe nessa sexta-feira (26), antes da viagem para Salvador/BA. Nesse sábado (27), a Ponte enfrenta o Vitória, no Barradão. “Estava um tempo sem jogar. Voltei a treinar com bola há uns cinco dias e o que a comissão técnica optar, se virem que tenho condições, estarei à disposição”, diz o jogador, que mostra estar muito contente em defender a Macaca.

“Feliz e satisfeito em estar aqui na Ponte. Vestir essa camisa é um desafio enorme nesse segundo semestre. Espero corresponder às expectativas: minha, do clube, do treinador e da torcida. Teremos um segundo semestre muito feliz e abençoado”, afirma Tiago, que ressalta. “Estou contente demais com esse novo desafio. Nesse time que tem uma tradição e um peso de uma camisa enorme”, fala o centroavante.

Tiago destaca que a escolha pela Ponte também tem a ver com a luta do clube em retornar para a Série A. “É um time que vai brigar pelo acesso e por um possível título. Teve a vontade de vir para a Ponte e acho que esse projeto de subir e ser campeão me fez vir para cá. Pela tradição que é o clube”, reforça o jogador, que vai ter a concorrência de bons nomes no setor em que atua. Para o jogador, isso não é um problema.

“É bom demais. Aumenta a disputa. A pressão vai existir e enquanto formos jogadores de futebol, sempre haverá. Se perguntar para o professor Jorginho se ele está gostando, vai dizer que está amando. Vim aqui para somar e se precisarem de mim estou à disposição. Espero corresponder, porque aqui temos nomes de peso. O Roger por onde passou fez gols e tem um currículo enorme. Para mim é uma satisfação estar aqui, jogando do lado dele”, ressalta.

O jogador chega ao clube com números importantes. Nos últimos dois anos, atuando pela Ferroviária, Juventude e Jeju United (Coréia do Sul), Tiago entrou em campo 98 vezes e marcou 31 gols. O atleta comenta acerca das características que tem. “Não sou um centroavante de ficar dentro da área esperando a bola para fazer um gol. Eu gosto de sair e participar do jogo, cair pelos lados, como foi no Juventude, onde consegui desempenhar um bom papel. Espero jogar meu jogo, que eu encaixe no time e que dê tudo certo”, comenta.

Com um passado de superação, por ter se recuperado de miocardite (inflamação no coração), além de rompimento de ligamento cruzado do joelho, Tiago mostra que vontade é marca presente em sua vida. “Sou guerreiro e desistir não faz parte do meu currículo. Foram momentos difíceis e graças à Deus eu sempre acreditei que iria dar a volta por cima. Creio que a aqui na Ponte vamos conquistar coisas boas. Temos que ter um poder mental muito grande, porque a vitória começa na nossa mente. Quero ser feliz com essa camisa”, exalta.

O atacante também faz projeção sobre os próximos jogos da Ponte, que enfrenta times que estão na luta contra o rebaixamento. “Temos que tomar todo cuidado quanto a isso, porque no papel parece que é fácil, mas na prática pode ser um pouco mais difícil. É preciso manter o nível de concentração lá em cima, porque quem está lá embaixo quer ganhar para sair do sufoco e nós, que estamos brigando na ponta, também precisamos vencer. Serão jogos difíceis, mas esperamos fazer um bom papel e fazer gols, que é o nosso objetivo. Que entremos concentrados, com disposição, vontade de vencer, que sairemos com a vitória”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS