Na última rodada da primeira fase do Paulista, SUBs 15 e 17 vencem e já sabem chaves da próxima etapa; filho de Roger marca quatro pelo SUB11

Fotos:PontePress

Jogando pela última rodada da primeira fase do Paulista e já classificados há tempos para a próxima etapa, os times SUB15 e 17 da Ponte não quiseram saber de “apenas cumprir tabela” e venceram na manhã deste sábado (6). Primeiro a entrar em campo contra o Brasilis, o Infantil saiu atrás, mas buscou o empate e a virada por 3 a 1 no segundo tempo –  Luquinha, Domene e Eric balançaram as redes.

Com o resultado, a Ponte manteve a 2ª colocação do grupo e aguarda a definição de quem será o primeiro adversário da 2ª fase,  em partida já agendada para 27 de julho. Os atletas do SUB15, porém, já sabem que estão no grupo 11, que conta com Ferroviária,  Joseense e Ituano.

O SUB17, que já era líder da chave, manteve a posição com vantagem  após vencer o time do Brasilis de mesma faixa etária por 2 a 1 também nesta manhã. Os gols alvinegros foram anotados por  Eliel e Thiagão.  Assim como o time mais jovem, o Juvenil volta a campo em 27 de julho e aguarda a definição do adversário entre os integrantes do grupo 13, que tem – além da Ponte –  o Novorizontino, Desportivo Brasil e Joseense.

SUBs 11 e 13 aplicam goleadas

Em partidas realizadas neste sábado, em preparação para a Copa de Futuros Craques, em Jacutinga, os times SUB11 e 13 da Macaca golearam a seleção de Paulínia das respectivas faixas etárias.  O sub11 ganhou de dez a zero, com destaque para o Nicolas, filho do atacante alvinegro Roger, que fez quatro gols. Já o sub13 ganhou de 5 a 0, com destaques de Joca e Muller, que fizeram dois gols cada.

Incentivo

As categorias de Base da Associação Atlética Ponte Preta contam com apoio do PROJETO PONTE PRETA FUTEBOL DE BASE – ESTRUTURA PARA DESENVOLVIMENTO DE TALENTOS DO FUTEBOL – ANO 3,  LPIE: Nº. 75/2016, Certificado de Incentivo ao Desporto (CID) Nº. 468/2017, publicado em diário oficial em 22 de março de 2017, junto a Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, Decreto nº 55.636/10 e Resolução SELJ nº 10, de 28 de março de 2017, e das empresas CBP Brasil/Inducol, COLORMAQ, CERATTI, VIAPOL, PILOT e KODILAR.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS