Paulista de Base: SUB17 vence o líder Red Bull e SUB15 perde a invencibilidade; SUB11 supera o AT5 em amistoso

Jogando na manhã deste sábado (4) pelo Campeonato Paulista de Categorias de Base, a equipe SUB17 enfrentou fora de casa o líder Red Bull  -na partida que reuniu os dois melhores colocados da chave – e venceu o adversário por 3 a 1. Marcaram pela alvinegra, dirigida pelo técnico Fabrício Nunes, os atletas Diogo, Maurício e Ryan.

Com o resultado de hoje, a Macaca chegou a 10 pontos e se mantém na segunda colocação do grupo 5, com, dois a menos que o Red Bull, porém o RB tem uma partida jogada a mais do que a Macaca. O próximo confronto do Juvenil será sábado no dia 11 de maio,  em Águas de Lindóia, contra a Itapirense.

O SUB15 também enfrentou o RB no campo do adversário, em Jarinu, mas perdeu por 2 a 0, resultado que quebrou a invencibilidade do time na competição. Até então, a equipe do treinador Miguel Angelo Pila acumulava três vitorias na competição.  Assim como no Juvenil, a partida entre as equipes infantis colocou frente a frente os dois melhores colocados da chave que, com o placar, mantiveram as mesmas posições do início do confronto.

Ou seja, o time pontepretano segue na segunda colocação, com nove pontos, mas viu o RB abrir distância de seis pontos na liderança – lembrando que o Toro Loko tem um jogo a mais que a Macaquinha. O SUB15 vola a campo contra o Itapirense, no dia 11, em Águas de Lindóia.

Também neste sábado a equipe SUB11 jogou na Toca da Macaca, o CT Euroamerica, contra o AT5 de Coritiba, e venceu por  2 a 0. O amistoso foi realizado como preparação para o Paulista da categoria.

Incentivo

As categorias de Base da Associação Atlética Ponte Preta contam com apoio do PROJETO PONTE PRETA FUTEBOL DE BASE – ESTRUTURA PARA DESENVOLVIMENTO DE TALENTOS DO FUTEBOL – ANO 3,  LPIE: Nº. 75/2016, Certificado de Incentivo ao Desporto (CID) Nº. 468/2017, publicado em diário oficial em 22 de março de 2017, junto a Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, Decreto nº 55.636/10 e Resolução SELJ nº 10, de 28 de março de 2017, e das empresas CBP Brasil/Inducol, COLORMAQ, CERATTI, VIAPOL, PILOT e KODILAR.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS