Jorginho lamenta eliminação da Copa do Brasil: “Fizemos a pior partida sob meu comando e peço desculpas à torcida, as coisas não aconteceram, mas o mais importante nesse ano é a série A e vamos trabalhar com a ajuda do torcedor para conquistá-lo”

Foto:PontePress/ÁlvaroJr

A eliminação da Ponte preta na Copa do Brasil ontem (4), ainda mais depois da conquista inédita da anulação do primeiro jogo por interferência externa, foi duplamente doída para a Macaca. O técnico Jorginho sabe disso e partilha da tristeza de todo pontepretano. “Fizemos, com certeza, nossa pior partida sob meu comando. Lamento muito e peço desculpas ao torcedor, porque queríamos a classificação, ma s a Aparecidense foi bem melhor que a gente. Mesmo no primeiro tempo, em que iniciamos com alguma possibilidade, em momento algum a gente conseguiu encaixarem nossa forma de jogar”, lastima.

Jorginho refuta que o “clima” do jogo tenha afetado o elenco. “A gente sabia que ia ser difícil, o campo realmente é muito ruim. Estamos acostumados a jogar em campos melhores e nossa forma de jogar é no campo adversário, ontem fizemos isso muito pouco. Só usamos bolas longas, que também era uma arma que sabíamos ser importante por causa da condição do gramado, mas infelizmente em nenhum momento conseguimos encaixar o bom jogo que a gente vem desenvolvendo sob  meu comando no Paulista”, pontua.

Ele conta que esperava uma melhora do time no tempo complementar – após  o período inicial terminar empatado. “Acreditava que equipe podia melhorar no segundo tempo, seguirmos na direção do que tínhamos proposto como jogo, por isso não mexi no intervalo. Infelizmente tomamos um gol e aí precisamos mudar a situação. Coloquei  Tiago Real porque está com ritmo melhor do que o Igor. Tentamos entrar com Hugo pra dar velocidade e como ele enfrentou dificuldades pus o Lyncon pra ajudar, mas foi muito pouco. Não deixamos de lutar, mas infelizmente as coisas não aconteceram e precisamos reconhecer isso.”

Jorginho reforça, porém, que a derrota serve de lição. “A equipe vai dar resposta na série B. É um elenco experiente, já passamos por situações muito mais difíceis. Há momentos em nossas vidas que precisamos superar, e acredito muito que nosso grupo vai dar a volta por cima. Não podemos achar eu está tudo errado. Realmente ontem não deu certo, mas não podemos achar que está tudo ruim. Sabemos que a coisa mais importante é o acesso à série A e, com a ajuda do torcedor e muito trabalho, vamos conquistar esse acesso”, finaliza.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS