Renan Fonseca acredita em trabalho forte do grupo, em busca da evolução da equipe

Foto:PontePress

O elenco da Macaca segue com os treinamentos visando ao confronto contra o Botafogo, de Ribeirão Preto, na próxima segunda-feira (4) no Moisés Lucarelli. Com a necessidade de voltar a vencer na competição, a cobrança por um melhor futebol começa no próprio grupo. O capitão e zagueiro da Macaca Renan Fonseca destaca o empenho dos atletas ao longo dos treinamentos, em busca dessa evolução.

“Ter um pouco de paciência, confiança e trabalhar bastante, que as coisas vão acontecer. Já vimos, após uma semana de treinos com o Jorginho, que a equipe mudou bastante. Conseguimos sair jogando, não ficamos só na ligação direta, teve muito jogo de apoio, quebrando as linhas. É isso que temos que procurar fazer: evoluir como equipe, para tomar menos gols possível e fazer o máximo que pudermos”, avalia o defensor, que valoriza não apenas a parte defensiva da equipe, mas sim todo o conjunto.

“Quando se fala do sistema defensivo, fala muito do Ivan, de mim e do Reginaldo, mas o futebol hoje em dia se joga em um espaço muito curto, de 30 metros. O jogo está um bloco só. Se os atacantes não ajudarem, a gente sofre mais e nós também temos que dar suporte na hora de atacar, pois facilita o jogo. É crescer como equipe, para fazer mais gols e sofrer menos”, reforça.

 Renan fala ainda sobre o trabalho ao lado de Reginaldo na zaga. “É uma parceria legal. Estamos há um bom tempo juntos, sofrendo poucos gols e a sequência de jogos é muito importante para o atleta. Estamos em uma sequência muito boa e a tendência é melhorar cada vez mais”, acredita.

Sobre o adversário de segunda-feira, Renan Fonseca acredita em forte duelo, até porque o Botafogo briga contra o rebaixamento no Paulistão. “A expectativa é sempre de um jogo difícil, seja brigando contra quem está na parte de cima ou na parte de baixo. Não tem jogo fácil. Raramente estamos vendo goleada e temos que treinar bem essa semana, para crescer como equipe. Tivemos um primeiro tempo muito bom contra o Ituano, mas infelizmente no segundo não conseguimos repetir a atuação. É procurar fazer o que foi feito no primeiro e ajustar ainda mais”, avalia.

O zagueiro completa:  “O que tivemos chances de buscar e de competir temos que fazer. Dá para buscarmos o Red Bull e temos a Copa do Brasil. Estamos pensando jogo a jogo. Primeiro temos que pensar só no Botafogo. Procurar fazer o nosso aqui e depois olhar para os próximos jogos e concorrentes.”

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS