Capitão no primeiro jogo, Renan Fonseca acredita que time vai melhorar a cada jogo, mas alerta: “Temos que criar padrão o mais rápido possível, pois o Paulista é de tiro curto e se bobear ficamos para trás”

Foto: PontePress/FábioLeoni

Após a estréia no Campeonato Paulista no sábado, o elenco pontepretano voltou aos treinos nesta segunda (21), de olho no jogo de quarta contra a Ferroviária, em Araraquara. Capitão da equipe no jogo iicial, o zagueiro Renan Fonseca entende que, considerado o fato que a maior parte do time nunca jogou junto antes e foram apenas 14 dias de pré-temporada, o empate no Majestoso não foi um resultado ruim, ainda que todos desejassem a vitória.

“Foi até uma estreia boa, temos muito a crescer, muito a evoluir, mas mostramos que teremos equipe guerreira neste ano. O campeonato acabou de começar e é natural que leve alguns jogos para que haja entrosamento. Porém acho que houve evolução principalmente no segundo tempo, quando começamos a sufocar, ir para cima, mas o jogo esfriou um pouco com a parada pra hidratação, perdemos embalo”, avalia.

Renan entende que a cada jogo a tendência do time é melhorar. “isso vai acontecer conforme formos conhecendo um ao outro. Não é só a Ponte que teve esta dificuldade inicial, se você ver a rodada a maioria absoluta dos times não se destacou. Então vamos subir um degrau de cada vez pra chegarmos no nosso objetivo. A tendência é que a cada partida a gente vá  melhorando”, afirma.

Renan termina, porém, fazendo um alerta. “A equipe está em formação e se conhecendo, mas temos que pensar em já na tarde desta quarta ir criando esta identidade, agir com  responsabilidade para criarmos nosso padrão o mais rápido possível, pois o Campeonato Paulista é de tiro curto e se bobear a gente fica para trás.”

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS