Ponte treina nesta quarta-feira (19), Reginaldo destaca trabalho da defesa e mostra otimismo para melhor rendimento na reta final de Série B

 

Foto: PontePress

A equipe da Ponte Preta segue a preparação para o jogo diante do Goiás e realiza nesta quarta-feira (19), mais uma atividade – a penúltima antes da viagem para Goiânia – local da partida de sexta-feira (21). O zagueiro Reginaldo comenta sobre o bom momentos vivido pela zaga pontepretana, que dos últimos cinco jogos sofreu apenas três gols.

“Nós ali do setor defensivo estamos felizes pelo momento que estamos vivendo, e não só nós da defesa, porque a marcação começa pelos atacantes. Às vezes a bola chega mascada até nós, o que ajuda no nosso desempenho. Individualmente, tive pequenos imprevistos. No início tive sequência, mas devido a tendinite no joelho fiquei limitado em alguns momentos e perdi a posição. Retomei de novo e infelizmente tive uma pequena lesão. Graças a Deus foi curta e pude retornar mais uma vez”, afirma Reginaldo, que fala do trabalho ao lado de Renan Fonseca.

“Essa continuidade junto do Renan é importante, porque a cada jogo procuramos não tomar gol e não trazer preocupação ao Ivan. Estamos felizes com o êxito do setor defensivo”, acrescenta. O zagueiro também ressalta que o time tem um setor ofensivo qualificado e que deve evoluir nessa reta final de Brasileiro.

“Nós temos um ataque de qualidade. O que falta é um capricho a mais, servir o companheiro mais bem colocado em algumas oportunidades e infelizmente os números mostram que estamos com o 8º ataque da competição. Mas pegamos essas duas semanas cheias de treinamento e o professor está dando ênfase em odos os setores: defesa, meio e ataque. No último jogo criamos mais oportunidades de fazer gols do que contra o Sampaio e a tendência é evoluir. Que na sexta, em vez de lamentar, conseguimos trazer pontos para Campinas”, conta.

Sobre o duelo contra os goianos, Reginaldo fala em respeito ao adversário, mas acredita em bom resultado da Macaca. “Para nós é bom jogar uma partida deste porte, contra um time que está no G4 e tem um elenco muito qualificado, com jogadores que tem muito recurso. Acho que temos que entrar bem concentrados na partida, respeitando a equipe do Goiás, sabendo do momento que vivem, mas também entender que nosso grupo tem qualidade”, destaca o atleta, que revela.

“Já ví vários jogos e atuei com alguns atletas do Goiás. Eles tem o Michael, que faz um grande campeonato e acho que o segredo para enfrentá-los é a atenção de todos. Oportunidades irão aparecer e quando surgirem, que estejamos capacitados para converter em gols”, comenta o defensor pontepretano. O atleta finaliza ao traçar uma perspectiva otimista na competição.

“Tem muitos pontos a serem disputados, tanto que nessa última rodada, os resultados foram favoráveis para nós. Até o final do campeonato, os times que estão em cima podem tropeçar. Mas nós temos que pensar jogo após jogo e esquecer um pouco a tabela. Precisamos pontuar, focar no jogo contra o Goiás, e vamos em busca de todas as formas e estratégias que o professor for implantar, para sair de lá com três pontos”.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS