No primeiro dérbi do ano, Ponte vence de virada por 3 a 2, com gols de André Luís e Reginaldo

 

Fotos: PontePress/FábioLeoni

A Ponte Preta enfrentou o Guarani na noite desse sábado (5), na casa do adversário e venceu – mais uma vez – o rival, pelo placar de 3 a 2. Os gols da Macaca foram de Reginaldo e dois de André Luís.  A partida foi válida pela 4ª Rodada do Campeonato Brasileiro Série B, e a Alvinegra chegou aos seis pontos, na classificação.

O próximo compromisso da Macaca é na quinta-feira (10), pela Copa do Brasil. A equipe enfrenta o Flamengo, no Maracanã, às 19h30, no jogo de volta das oitavas de final da competição.

 

O Jogo

 

O primeiro lance de destaque do jogo foi um pênalti claro cometido por Edson Silva, zagueiro do Guarani, aos 3 minutos e que não foi marcado pela arbitragem de Leandro Pedro Vuaden. O defensor adversário cortou a bola com o braço, dentro da área e o juiz assinalou o desvio como escanteio.

O adversário abriu o placar aos 12 minutos. Após cobrança de escanteio, a bola desviou em Danilo Barcelos e entrou. Aos 21 minutos a Macaca chegou ao empate. Reginaldo aproveita cobrança de escanteio e cabeceia no canto direito, igualando o marcador. Logo na sequencia a Ponte virou o placar! Igor lançou André Luís, que dominou dentro da área, driblou o defensor e chutou forte, sem chances para Brígido.

A Ponte quase chega ao terceiro gol aos 31 minutos. Felippe Cardoso recebe passe de André Luís em profundidade, finaliza, mas o goleiro adversário joga para escanteio. Aos 37, novamente a Macaca criou grande oportunidade, em cruzamento de Igor, que Felippe Cardoso finalizou, mas que Brígido conseguiu defender.

O primeiro lance de destaque do segundo tempo foi aos 8 minutos, em ataque da Ponte, em que Tiago Real chutou forte, mas que o goleiro adversário defendeu.  Quatro minutos depois a Macaca ampliou! Danilo fez o cruzamento e André Luís, de primeira, marcou o segundo dele na partida.

Aos 26 minutos, o time adversário teve pênalti ao seu favor. Rondinelly cobrou e diminuiu o placar. Apesar do gol sofrido, a Macaca não se abateu e buscou administrar a vantagem construída. No último lance de destaque da partida, a Ponte encaixou contra-ataque, Felippe Cardoso ficou cara a cara com o goleiro, mas Brígido conseguiu defender o arremate. Sem mais lances importantes, vitória da Macaca – mais uma vez – na casa do rival.

 

                                                                                                                                           

Ficha Técnica:

 

Ponte Preta: Ivan, Igor, Reginaldo, Renan Fonseca e Orinho (Junior Santos), André Castro, Paulinho (Lucas Mineiro), Tiago Real e Danilo Barcelos, André Luis (Roberto) e Felippe Cardoso. Técnico: Doriva.

Guarani: Brígido, Lenon, Alemão, Edson Silva e Marcílio, Baraka (Denner), Erik (Rafael Longuini), Rondinelly e Nazário, Bruno Mendes (Anselmo Ramon) e Ricardinho. Técnico: Humberto Louzer.

Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa – Campinas/SP

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden – RS

Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi – RS e Jorge Eduardo Calza – RS.

Cartões amarelos: João Vitor, Danilo e Renan Fonseca (Ponte Preta); Alemão e Baraka (Guarani).

Gols: Danilo Barcelos (contra), Reginaldo e André Luís [2] (Ponte Preta); Rondinelly (Guarani).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS