Ministério Público e PM vetam treino aberto à torcida

A Ponte Preta informa que, atendendo a pedido da Polícia Militar e do Ministério Público do Estado de São Paulo, decidiu cancelar o treino aberto à torcida  tarde desta sexta-feira (4). O presidente José Armando Abdalla Jr esteve reunido com as autoridades nesta tarde para debater o assunto. Apesar de a Ponte ter definido o treino primeiro e solicitado primeiro a autorização policial (o protocolo da Macaca foi oficiado em 24 de abril e a solicitação do oponente, segundo a PM, chegou apenas na data de hoje, por volta das 14 horas); e ainda tendo proposto uma solução intermediária e diplomática ao Guarani, as autoridades entenderam por bem que o melhor caminho era a desautorização tanto do treino da Ponte quanto do adversário. Desta forma, o treinamento ocorrerá com os portões fechados.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS