Ponte Preta decide nesta segunda (2) o Troféu do Interior 2018: Brigatti diz que Macaca vai para cima em busca do tetracampeonato

Foto:PontePress/FábioLeoni

A Ponte Preta entra em campo às 20 horas desta segunda (2) para decidir, no Majestoso, quem irá levantar o Troféu do Interior de 2018. Para se sagrar tetracampeã do torneio – desde que foi criado neste modelo, em 2007, a Macaca já venceu em 2009, 2013 e 2015 – a equipe do técnico interino João Brigatti terá de vencer no tempo regulamentar ou, no caso de empate,  nos pênaltis.

“Já enfrentamos o Mirassol em três partidas neste ano, é uma equipe muito difícil, com sistema de jogo bem definido e que sempre leva perigo. Mas estamos muito bem preparados e queremos ganhar de todo jeito”, diz Brigatti, que comanda a Macaca neste último jogo válido pelo Campeonato Paulista uma vez que, pelo regulamento, o técnico Doriva não poderia fazê-lo uma vez que já foi o treinador do Novorizontino pela mesma competição neste ano.

Na opinião de Brigatti, com o empate em 0 a 0 no primeiro confronto simplesmente não há favoritos hoje. “Poderíamos ter uma vantagem que iria nos favorecer, mas isso ao ocorreu então começaremos iguais. Não defini a equipe ainda, mas quem irá pra campo tem de ter garra e mentalidade positiva, ter personalidade para jogar. Vamos respeitar o adversário, mas partir para cima pra ganhar”, enfatiza.

Entre as dúvidas de Brigatti está a de usar ou não o jovem Aaron. “No jogo anterior estava definido que ele ia jogar, mas teve lesão e nem foi pra Mirassol. Vamos ver então como estará se sentindo hoje, pois ele é uma opção muito boa, de velocidade. Se estiver plenamente recuperado quem sabe pode até começar como titular, mas isso não está definido”, afirma.

Brigatti convida o torcedor alvinegro a estar presente – a partida é de torcida única da Macaca – e diz que se despedirá do comando ciente de que, acima de tudo, foi um bom aprendizado. “Aprendi bastante, em especial em situações adversas, como no jogo contra  a Ferroviária, em que a gente corria risco real de rebaixamento. Hoje tenho mais perspectiva e se for acionado novamente estarei mais preparado do que antes.”

Quem não puder acompanhar o jogo desta noite no Majestoso – ingressos estão à venda até o fim do primeiro tempo e há troca de duas garrafas PET por ingresso enquanto a carga de 3 mil não se esgotar – poderá assistir ao jogo pela SporTV ou ouvir pelas rádios AM 870, 1170 e 1270, FM 99,1 e webradios Esportiva, Futebol Interior, Macacada Reunida e Pontenews.

Em outros modelos, Ponte também venceu em 1927 e 1951

No modelo atual, criado pela FPF em 2007, o Troféu do Interior é disputado por seis times que não se classificaram para a segunda fase do Paulista. Eles são divididos em dois grupos, que se enfrentam entre si, e o melhor de cada chave segue para a final. Antes deste modelo, porém, já houve o Campeonato Paulista do Interior e, nele, a Ponte foi campeã em 1927, ao lado do Botafogo de Ribeirão Preto, e em 1951.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS