Eduardo Baptista lamenta primeira derrota fora de casa, mas já muda a chave para a partida pela Copa do Brasil nesta quarta (28)

Crédito obrigatório:
PontePressFabianaFantin
i

A Macaca foi até Mirassol neste domingo pela 9º rodada do Paulista e foi derrotada pela primeira vez fora de casa em 2018. O treinador Eduardo Baptista fala sobre o revés e analisa o desempenho da equipe. “ Entramos apáticos no primeiro tempo e isso, favoreceu a derrota. Entramos mal. Baixamos a marcação, deixarmos de marcar em cima, a criação não foi da maneira que queríamos, ajustamos a marcação e depois levamos o gol", diz.

No segundo tempo, conta Baptista, ocorreu uma outra postura. "A criação aconteceu, tivemos boas chances, poderíamos ter empatado. Mas infelizmente não aconteceu, a gente fica chateado pela atuação no primeiro tempo”, afirma Baptista, acrescentando que é preciso buscar equilíbrio para buscar a classificação no Paulista.

“A gente está atento, sabe que é um campeonato competitivo. A Ponte vinha de sete jogos sem perder. Estamos a um ponto da liderança. Dentro do Paulista temos mais três jogos em casa para buscar a nossa classificação. Temos que buscar o equilíbrio para buscar essa classificação.”

O treinador finaliza destacando que a hora agora é de "mudar a chave" e focar na conquista pelo resultado em casa na Copa do Brasil. “Agora é outro jogo, muda a fórmula de disputa. Agora são dois jogos, não tem o gol qualificado. Jogar em São Luis é complicado, é importante conseguir um bom resultado em casa para decidirmos fora. E também motiva para a sequência do Paulista”, conclui. O elenco treina hoje em São José do Rio Preto e volta a Campinas de tarde.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS