Vencer ou vencer: só um resultado interessa nesta noite, contra a Inter de Limeira, para a Macaca passar de fase na Copa do Brasil

Foto:PontePress/FábioLeoni

A Ponte Preta entra em campo às 21h45 para enfrentar a Internacional de Limeira em partida que vale a vaga para a terceira fase da Copa do Brasil 2018. Para continuar na competição, só a vitória interessa para a Macaca, um resultado que pode ser conquistado no tempo normal ou, caso haja empate, nos pênaltis. Ainda que a Ponte seja dada por muitos como favorita, por estar disputando competições de nível maior que a Inter e ter mais estrutura que o adversário, o técnico Eduardo Baptista ressalta que favoritismo não ganha jopgo e que será preciso muita aplicação no jogo de logo mais.

“Existe um certo favoritismo natural para a Ponte Preta, mas temos que saber que as coisas são resolvidas dentro do campo. Temos um exemplo recente de quando nós jogamos contra o Palmeiras, que é o time mais estruturado do país e nós atuamos de igual para igual. Assim como nós fomos aguerridos contra o Palmeiras, a Inter será aguerrido contra nós. Recentemente tivemos um jogo treino entre os times B de cada equipe e sabemos que eles são um time organizado e com bons jogadores”, avalia.

O treinador destaca que, na hora H, as diferenças de fora de campo não contam. “Dentro do campo temos que respeitar a Inter, fazer um grande jogo e tentar passar de fase. A Copa do Brasil exige muita concentração, grandes times estão ficando de fora eliminados por adversários de menor destaque, isso aconteceu com Sport, Coritiba, Botafogo. Se achar que vai vencer só com o nome, as coisas complicam, e precisamos desta vitória tanto tecnicamente quanto financeiramente para o clube”, diz.

O zagueiro Luan Peres segue a mesma linha de pensamento do treinador. “Não tem adversário fácil no futebol hoje. Já joguei na série A 2 pela Portuguesa, o nível era muito forte, então temos que encarar de igual para igual e procurar matar o jogo no tempo normal, pois se for pros pênaltis nunca ninguém sabe o que vai acontecer”, destaca.

A ponte terá dois desfalques na noite de hoje: Tiago Real ainda se recupera de lesão e Leo Artur está com uma amidalite e não tem condições de jogar. “É possível que comecemos com alguns jogadores titulares no banco em razão de desgaste físico, mas isso é algo que ainda estamos avaliando. Minha ideia é ter o time mais parecido possível com o que enfrentou o Palmeiras”, adianta Eduardo Baptista.

Os ingressos para a partida estão à venda até o início do segundo tempo apenas nas bilheterias do Majestoso, com arquibancada descoberta e geral em promoção, a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Quem não puder ir ao estádio pode acompanhar a partida pela EPTV/rede Globo, rádios FM 99,1 e AMs 870, 1170 e 1270, ou ainda nas webrádios Esportiva, Futebol Interior, Macacada Reunida e PonteNews.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS