Ponte treina na tarde dessa quarta (24), Gabriel Vasconcelos é apresentado e se mostra motivado em poder ajudar o clube em 2018

 

Foto: PontePress/FabianaFantini

O elenco da Ponte Preta realiza mais um treino na tarde dessa quarta-feira (24), com o foco na partida diante do Santos, nessa quinta-feira (25), no Majestoso. Além do trabalho dentro de campo, o clube segue se reforçando para temporada 2018 e desta vez, quem vestiu a camisa da Macaca pela primeira vez foi o atacante Gabriel Vasconcelos. O atleta, de 21 anos, vem por empréstimo junto ao Corinthians, até o fim do ano, e destaca a importância de ter uma rotina de jogos.

 

“Em 2015 tive a felicidade de ser campeão da Copa São Paulo de Futebol Jr., em 2016 chegamos na final mas perdemos para o Flamengo. Acho que a maior dificuldade é a transição da base para o profissional e ter a sequencia. No Corinthians fiquei só treinando e é importante ter uma rotina profissional. Quando cheguei no América/RJ eu tive a sequencia, mas não tive preparado. Depois tive um período bom no Oeste e consegui mostrar meu futebol”, destaca o atleta, que vai encontrar o colega de base Marciel.

 

“Conheço o Marciel desde 2014. Jogamos juntos na base, onde ganhamos várias competições e estar em um grupo onde se conhece vários jogadores é importante. Me sinto mais a vontade, mais em casa e isso facilita o sucesso dentro da equipe”, conta o jogador, que ressalta as características que tem como atacante.

 

“Na base eu sempre joguei como centroavante. Um falso 9, sem ser muito parado, gosto bastante de me movimentar entre zagueiros e volantes. Mas a partir do momento que eu subi ao profissional, no Oeste, eu encontrei uma forma de jogar também mais aberto pelo lado direito. Tenho essa facilidade de atuar pelos lados, como centroavante e isso eu deixo para o professor Eduardo e o que ele achar melhor, onde achar que rendo mais, estou à disposição”, afirma.

 

Gabriel reforça que tem metas individuais, mas a maior de todas elas é coletiva. “Meus objetivos pessoais é jogar o maior número de partidas pela Ponte, poder ajudar a equipe com assistências e gols. Mas com certeza o maior objetivo do grupo todo e do clube é a conquista do acesso à Série A de 2019. Vamos fazer um Paulista forte, vamos brigar pela Copa do Brasil, mas a intenção maior é o Brasileiro. Espero poder ajudar com gols, assistências e muita vontade”, finaliza.

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS