Vamos todos ao Majestoso apoiar a Macaca: Ponte enfrenta Atlético/PR nessa quarta (15) e é preciso vencer para se manter viva na luta pra ficar na elite

Foto:PontePress/FábioLeoni

“É uma decisão e temos que encarar como tal, porque se não vencermos não dá pra buscar lá na frente: temos que dar tudo pra voltar para ao campeonato e isso faremos conquistando três pontos em casa, com muito empenho e o apoio da nossa torcida.” A frase do atacante Leo Gamalho resume tanto o espírito quanto a necessidade da Ponte Preta na partida deste feriado de quarta-feira (15) contra o Atlético Paranaense, marcada para às 17 horas no Moisés Lucarelli.

Só a vitória interessa na luta da equipe para fugir da zona de rebaixamento, já que o time campineiro entra nessa rodada com 36 pontos somados na competição, três a menos que o Vitória/BA, que está na 16ª colocação, sendo o primeiro time que escapa do descenso na tabela de classificação. Para o duelo contra os paranaenses, o técnico Eduardo Baptista terá a volta do volante Fernando Bob, que não enfrentou o Coritiba/PR, após ter sido suspenso. Apesar disso, segundo palavras do próprio técnico após o empate no duelo anterior, a formação que enfrentou o Coritiba deve ser mantida.

“A manutenção dos titulares do jogo passado mostra a confiança do Eduardo em nós e issonos dá mais tranquilidade para exercermos nosso papel”, diz Gamalho, que acrescenta a importância de ter o meia Leo Artur no time: “É bom quando tem alguém cuja característica não só de marcar, mas procura ataque, dá mais passes, nos coloca em mais situação de gol, e com meias em campo podemos fazer isso, o posicionamento vai nos ajudando.”

O camisa dez, por sinal, endossa as palavras de Gamalho em relação ao resultado esperado do jogo de logo mais. “A margem de erro acabou, só nos resta vitória ou vitória. Temos que vencer hoje, sem bagunça ou desespero, porque aí dá certo. Depois nos confrontaremos diretamente com o Vitória e aí é a chance de sairmos desta situação”, pontua. Além de Leo Artur, Renato Cajá também está retornando ao time e deverá estar à disposição de Baptista.

Outra peça importante no esquema desenhado pelo técnico Eduardo Baptista, o meio-campista Élton, caso atue contra o Atlético, irá completar cem jogos com a camisa pontepretana. Desde 2014 no clube, o atleta passou por momentos difíceis com lesões, mas em 2017 conseguiu manter uma sequencia, e conquistou a titularidade desde o início da temporada. E outro jogador que deseja continuar com um bom rendimento é o centroavante Léo Gamalho. Após ganhar chance na rodada anterior, o jogador balançou as redes e, caso seja escolhido, vai lutar muito para marcar mais gols pela Macaca.

Ingressos

Mais uma vez a energia positiva do torcedor pontepretano será essencial para que o time consiga conquistar a vitória para sair do Z4: os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5,00 (meia) em todos os setores, menos nas cadeiras sociais e camarotes – estes custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia).  Os dois mil e quinhentos ingressos para os visitantes também custam R$ 10 e R$ 5. Quem não estiver no Majestoso, tem como opção assistir ao jogo pelo Premiere, além de ouvir no rádio (FM 99,1, AM 870 ou 1170) ou ainda pelas webradios Alberto César, Futebol Interior, Macacada Reunida ou PonteNews.   

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS