Ponte enfrenta Avaí neste domingo (22), no Majestoso, onde cada vitória é importante na reta final do Brasileirão; Wendel ressalta a importância do apoio da torcida em mais esse desafio

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

A equipe da Ponte Preta entra em campo mais uma vez nesse domingo (22). A Macaca enfrenta o Avaí, às 19 horas, no Moisés Lucarelli, em jogo válido pela 30ª Rodada do Campeonato Brasileiro. A realidade das duas equipes na competição é complicada. Enquanto a Ponte tem 32 pontos na competição, o time catarinense tem 31 pontos somados e ambos estão na zona de rebaixamento. Momento difícil, que faz desse confronto ainda mais importante para o time pontepretano.

 

Em um campeonato equilibrado, vencer, principalmente em casa, é fundamental na reta final do Brasileirão, em que faltam apenas nove jogos para o encerramento. E para este duelo, o técnico Eduardo Baptista conta com os retornos do zagueiro Luan Peres e do volante Fernando Bob, que cumpriram suspensão.  Outro que está disponível é o volante Wendel, que comenta sobre a atual fase da equipe.

 

“Estaria mentindo e dissesse que está tudo tranquilo. A situação nos deixa preocupados, o sinal de alerta já foi ligado há muito tempo, mas o Eduardo, depois que chegou , vem passado o melhor possível para nós. Estamos tentando sair dessa zona tão chata. Nenhum time deseja passar e temos a chance de sair dela já diante do Avaí. Esse é o nosso objetivo, são duas partidas dentro de casa, com a ajuda do nosso torcedor, esperamos fazer seis pontos, para quem sabe assim ,terminar de vez com esse risco de rebaixamento. Restamos nove partidas e temos que lutar para deixar a Ponte onde ela merece, que é a Série A”, afirma o jogador, que destaca o quanto é necessário o apoio da torcida pontepretana.

 

“Eu sei que é difícil pedir nesse momento o apoio do torcedor, o incentivo, mas precisamos muito nessa reta final. Sem o torcedor, da força positiva, tudo ficará cada vez mais difícil. Contamos com todos, mas é lógico que passa por nós dentro de campo tirar a Ponte Preta dessa zona de rebaixamento”, comenta o volante, que explica sobre a parte tática implementada pelo técnico Eduardo Baptista.

 

“É um sistema mais compacto, que te dá mais segurança, que surpreende o adversário em contra-ataques e foi assim o ano passado. Nesses vinte dias o Eduardo treinou muito a parte defensiva e estamos marcando com qualidade, infelizmente tomamos gols, mas estamos nos posicionando bem. É jogar um pouco mais, vencer, para tirar esse caminhão de areia que temos nas costas”, completa.

 

Ingressos

 

A diretoria alvinegra mais uma vez faz megapromoção para lotar o estádio, com valores de ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5,00 (meia), menos nas cadeiras sociais e camarotes – estes custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia).  Os três mil ingressos para os visitantes também custam R$ 10 e R$ 5.

 

Quem não estiver no Majestoso, tem como opção assistir ao jogo pelo Premiere, além de ouvir no rádio (FM 99,1, AM 870 ou 1170, ou ainda pelas webradios Alberto César, Futebol Interior, Macacada Reunida ou PonteNews).

  

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS