Com dois gols de Sheik, Macaca se reencontra com a vitória e bate o Botafogo por 2 a 1 no Majestoso

Crédito obrigatório:
PontePressFabioLeoni

Foi suado, foi na raça, foi Ponte Preta. Na tarde chuvosa no Majestoso, a Ponte Preta venceu o Botafogo por 2×1 com dois gols de Emerson Sheik. Com o resultado a Ponte vai a 27 pontos e pula para a décima posição temporariamente devido aos jogos que faltam na rodada.  A Ponte Preta volta a campo no próximo  domingo (27) às 16h no Moisés Lucarelli em jogo válido pela 22º rodada do Campeonato Brasileiro.   

O jogo

A partida teve início debaixo de chuva, o que deixou o gramado escorregadio e fazia a bola ganhar velocidade. Logo com um minuto de jogo o jogador Leonardo Valencia do Botafogo foi punido comm cartão amarelo por carrinho perigoso em Nino Paraíba.

As duas equipes trocavam passes e o jogo ficou muito disputado no meio de campo. O Botafogo apostava em rápidos contra ataques. Aos 12 minutos a Ponte abriu o placar com Sheik após cobrança de escanteio de Danilo. Chute indefensável para o goleiro Jefferson.

Não deu tempo de comemorar, aos 19 minutos Lucca fez pênalti em Arnaldo. Brenner bateu e empatou a partida no Majestoso. Pelo pênalti, Lucca recebeu o cartão amarelo e está suspenso para a próxima partida.

O Botafogo chegava em bolas cruzadas e lançamentos em profundidade. A Ponte apostava nas arrancadas de Nino Paraíba e nas bolas para Sheik. No final do primeiro tempo a Ponte quase foi para o intervalo em vantagem. Danilo dominou a bola na área, girou e bateu forte para boa defesa de Jefferson. O árbitro nem permitiu a cobrança de escanteio e encerrou o primeiro tempo para bronca da torcida presente no Moisés Lucarelli.

O técnico Gilson Kleina tirou Jean Patrick para a entrada de Leo Gamalho, que faz sua estreia com a camisa da Ponte Preta.  O jogo continuava muito pegado com muita marcação e troca de passes. A Ponte encontrava dificuldades para sair da marcação do Botafogo.

Aos 16 minutos Saraiva recebeu na direita entrou na área e bateu firme para grande defesa de Jefferson. Quase a Macaca tirou a igualdade do placar. Aos 21 minutos mais um duelo entre Saraiva e Jefferson, o atacante da Ponte bateu forte cruzado e o goleiro desviou para escanteio.

Aos 39 Elton quase marcou em bola rebatida pela defesa, mas o chute foi para fora. E aos 42 minutos sempre ele, Emerson Sheik pegou de primeira uma pancada de fora da área, o goleiro Jefferson nem se mexeu. Festa no Majestoso em meio a chuva!  Na sequência o Botafogo quase empatou com uma bola no travessão. Após cinco minutos de acréscimo o árbitro encerrou a partida.

Ficha técnica:

Ponte Preta: Aranha, Nino Paraíba, Marlon, Luan Peres, Naldo, Danilo, Jean Patrick (Leo Gamalho), Elton, Léo Artur (Felipe Saraiva), Lucca (Luis Ali) e Sheik Técnico Gilson Kleina

Botafogo: Jefferson, Arnaldo, Joel Carli, Emerson Silva, Gilson, Dudu Cearense, Bruno Silva, Leandrinho (Fernandes), Leonardo Valencia (Rodrigo Pimpão), Marcos Vinicius, Brenner
 Técnico: Jair Ventura

Local: Estádio Moisés Lucarelli – Campinas-SP
Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva, Helcio Araujo Neves, José Ricardo Guimarães Coimbra e Luis Diego Nascimento Lopes
Cartões amarelos:  Leonardo Valencia, Lucca, Fernandes, Jefferson, Sheik, Wenderson, Aranha,
Cartões vermelhos:
Gols: Sheik (2x), Brenner, 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS