Ponte Preta enfrenta o Vitória em Salvador nesta quarta-feira (02) e espera manter a sequência positiva para subir na classificação

Crédito obrigatório:
PontePress/FabioLeoni

A Ponte Preta encara o Vitória nesta quarta-feira (02) em Salvador no estádio Barradão às 21h com o objetivo de manter a sequência de três vitórias seguidas, duas pelo brasileiro e uma pela Copa Sudamericana. A Macaca está com um jogo a menos na tabela devido ao adiamento da partida do último final de semana contra o Fluminense para o próximo dia nove de agosto, devido a tragédia com o filho do treinador Abel Braga.

O técnico Gilson Kleina explica que o desafio da Ponte é manter a mesma atitude das últimas três partidas para buscar um resultado positivo longe de casa. “A mentalidade vencedora da Ponte nunca deixou de existir. Quando cheguei aqui foi esse o termo que eu utilizei. E isso impera dentro do vestiário. Só que o Brasileiro é um campeonato muito equilibrado. Quando você não consegue um resultado no seu domínio, é muito difícil buscar fora depois. Você vê algumas equipes que jogam bem fora de casa, mas tem sofrido quando jogam em casa. O trabalho emocional é muito importante. Que a gente possa ir para Salvador com a mesma postura e atitude desses últimos jogos. Temos que ser inteligentes. Se tivermos um resultado positivo vamos brigar lá em cima. Nós temos que seguir firme em nosso objetivo, não mudar a nossa postura. E vamos tentar fazer o maior número de pontos possíveis nesses três jogos finais do primeiro turno”.

Kleina falou sobre o adiamento da partida contra o Fluminense. “A gente ficou muito chocado com essa tragédia. Eu peguei esse menino no colo. Vocês sabem que eu trabalhei com o Abel.  Um mês atrás eu perdi meu cunhado. Vi como ficou a família da minha esposa. O ciclo é os filhos enterrarem os pais e não o contrário. Era um menino jovem com tanto futuro. Não dá para mensurar essa parada como positiva e negativa. Achei de uma extrema lisura a CBF ter adiado a partida. O futebol tem que ter esse entendimento. Espero que a gente possa manter a nossa sequência positiva”.

Kleina alertou a equipe para as modificações que aconteceram na equipe do adversário esta noite. “O Vitória trocou de treinador, tiveram resultado importante contra o Cruzeiro, trocaram vários jogadores do time titular. O último relatório que a gente tinha sobre o Vitória mudou muito. Não podemos perder a nossa atitude. Temos que marcar mais do que propor o jogo fora de casa. Não que a gente abdique de jogar fora de casa. Temos que tentar neutralizar, ter energia e competir. Uma vitória nesse momento seria de grande valia. Para jogar dentro de casa tem que ter estratégia e ser inteligente. A expectativa é fazer um grande jogo e trazer pontos para Campinas”.

Quem não estiver no Barradão, tem como opção acompanhar o jogo Ao Vivo pelo canal Premiere FC, ou pelas rádios esportivas de Campinas, em FM 99,1 , AM 870, AM1170 ou ainda pelas webradios PonteNews, Alberto César, Macacada Reunida e Rádio Futebol Interior.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS