TC10+

Notícias

Notícias > Ponte treina nessa quinta (20) e Lucca afirma que trabalho forte é o segredo para voltar a fazer gols e ajudar a equipe
  • Tamanho da Letra
  • A+
  • A-
  • Imprimir

Ponte treina nessa quinta (20) e Lucca afirma que trabalho forte é o segredo para voltar a fazer gols e ajudar a equipe

Publicado em: 20/04/2017

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

A equipe da Ponte faz o penúltimo trabalho nessa quinta-feira (20), antes de enfrentar o Palmeiras novamente, no sábado (22), pela semifinal do Campeonato Paulista. E é com trabalho forte que o atacante Lucca se norteia para superar obstáculos e dar seu melhor.

 

“Eu costumo trabalhar forte e por onde passei foi assim. Estou colhendo os frutos, fazendo um Campeonato Paulista muito bom e podemos ser corados. Temos totais chances, mas vamos viver um dia de cada vez, com os pés no chão, para que tudo aconteça da melhor maneira possível”, afirma o jogador, que fez um dos gols da vitória de 3 a 0 sobre o rival paulista, no domingo (16), mas que estava não marcava desde 21 de março, contra o Santo André.

 

“Às vezes acontece. futebol é assim. É um esporte muito competitivo e temos que estar preparados em todas as situações que possa ocorrer. Procurei trabalhar, segurar a bronca, porque vocês sabem que é difícil. Quando se fica um tempo sem fazer gols vem algumas cobranças e temos que saber lidar com as situações. Procurei trabalhar e eu penso que nada vence o trabalhador”, ressalta o atacante, que já fez sete gols nesse Paulistão.

 

Ainda sobre o gol contra o Palmeiras, Lucca diz que celebrou com aqueles que o mais o apoiam. “É sempre bom marcar e em um jogo dessa grandeza traz confiança. Fiquei muito feliz, comemorei com meus familiares, com a minha esposa e minha filhinha e dou os méritos a eles também, porque nas dificuldades eles estão juntos. A família é fundamental na vida de um homem e eu não sou diferente”, enfatiza.

 

Já quando o assunto é a segunda partida da semifinal, o atacante quer a Macaca usando uma das suas principais características, a velocidade. “Temos que continuar impondo nosso jogo. Todos sabem que é marcar forte e explorar nossa velocidade na frente. Não é segredo para ninguém e temos que usar isso, que é nossa melhor arma. Já vi o Eduardo Baptista (técnico do Palmeiras) falar que nosso contra-ataque é muito forte e temos que explorar. No início do jogo temos que ter atenção, para não tomarmos gol e depois jogar. É saber lidar com qualquer situação que aconteça na partida”, explica o jogador, que rechaça o favoritismo, após a vitória no primeiro jogo.

 

“Não vamos entrar em euforia. Isso nós deixamos para o torcedor. Nós, sem dúvida nenhuma, queremos entrar para a história do clube. Nosso pensamento é esse e temos condições, vamos para esse jogo e depois, se acontecer, pensar na final. Mas primeiro é sábado, às 19 horas, contra o Palmeiras e vamos ver o que vai acontecer”, diz Lucca, que acrescenta.

 

“Se chegamos até aqui é porque temos condições de conquistar. Respeitamos todos os adversários. Sabemos que Palmeiras, São Paulo e Corinthians são favoritos, mas vamos fazer nosso trabalho. Independentemente do que aconteça, esse grupo que está sendo formado está fazendo um grande trabalho. Temos condições, mas os outros clubes são favoritos”, completa.

< Voltar

Outras Notícias

SMS Receba promoções e resultados
Newsletter Digite seu e-mail para receber nossa newsletter